O que esperar para os concursos em 2019

Em toda troca de governo é normal que haja preocupação entre os concurseiros sobre a abertura de vagas em concursos públicos. Há sempre um burburinho sobre quais mudanças podem ocorrer com a transição. Para os concursos de 2019, não será diferente.

Com um novo governo federal, surge a dúvida sobre haver ou não restrições aos concursos públicos. O questionamento é válido, mas existem diversos motivos para a promoção de novos certames nacionais.

Os servidores são parte essencial de um planejamento de longo prazo – a máquina federal não pode parar. Além disso, o novo governo terá interesse em manter e ampliar seus servidores para que possa executar suas políticas. Nesse sentido, algumas instituições são importantes para ampliar a arrecadação, como a Advocacia da União e a Receita Federal. Outras áreas são tão carentes de pessoal, que a necessidade de aumento dos quadros é urgente, como a Saúde e a Previdência Social. A pauta de Segurança, Defesa e Inteligência também está na ordem do dia, e deverá ser valorizada com a abertura de vagas.

Além da União, existem 26 Estados, Distrito Federal e 5.570 municípios – todos absolutamente autônomos para promover seus próprios concursos públicos e efetivar seus planos de governo independentemente dos rumos da esfera federal. Por fim, ainda há necessidade de concursos públicos para o Poder Judiciário (federal e estadual) e para o Poder Legislativo (federal, estadual e municipal). Somando todas essas instituições, são centenas de casas legislativas e tribunais que precisam de concursos e vão realizá-los. Então, não há motivos para se preocupar.

Concursos previstos para 2019

Proposta de Lei Orçamentária do ano de 2019 (LOA 2019), publicada em 31 de agosto, já previa as autorizações de provimentos e criação de cargos para o ano de 2019 para mais de 40 mil vagas, mais que o dobro do previsto na Lei Orçamentária de 2018. Além dessas posições, mais 4 mil cargos deverão ser criados para novos postos.

Veja quais vagas estão previstas em concursos públicos para 2019.

concursos públicos 2019

Poder executivo: 40.632 provimentos

Cargos e funções vagos: banco de professor e quadro de referência dos cargos de técnico-administrativo em Educação, UF Catalão-GO, UF Delta da Parnaíba-PI, UF Rondonópolis-MT, UF-Jataí-GO, UF Agreste de Pernambuco-PE, Agência Nacional das Águas (ANA), substituição de terceirizados, fixação de efetivos militares, CBM-DF, PM-DF e PC-DF.

Poder judiciário: 1.916 provimentos

Supremo Tribunal Federal (STF) , Supremo Tribunal de Justiça (STJ), Justiça Federal, Justiça Militar da União, Justiça Eleitoral, Justiça do Trabalho e Conselho Nacional de Justiça.

Defensoria pública da união (DPU): 455 provimentos

Poder legislativo: 130 provimentos

Câmara dos Deputados, Senado Federal e Tribunal de Contas da União (TCU).

MPU e Conselho nacional do MP: 12 provimentos

Esse é o maior número de provimentos autorizados desde 2014:

 

Ano   Provimentos autorizados
2014 59.571
2015 34.558
2016 10.969
2017 18.690
2018 20.298
2019 40.632
Fonte: LOA e PLOA.

Os recursos para bancar a contratação de novos servidores por concursos já autorizados ou em andamento estão disponíveis, por isso não devem sofrer alterações. Há boas oportunidades previstas para 2019:

Concursos federais 2019

Polícia Rodoviária Federal – PRF

Situação: Banca Cebraspe, aguardando edital
Número de vagas: 550
Remuneração: pode chegar a 10 mil
Nível: superior

Acesse a página especial deste concurso

Inmetro – Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 435
Remuneração: pode chegar a 18 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 2,1 mil questões

INSS – Instituto Nacional do Seguro Social

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 7.888
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 2,8 mil questões

Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 148
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Últimas questões comentadas

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 1.800
Remuneração: pode chegar a 8 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 4,1 mil questões

Receita Federal

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 5.000
Remuneração: pode chegar a 20 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,2 mil questões

Ancine – Agência Nacional de Cinema

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 15
Remuneração: pode chegar a 15 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de mil questões

ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres

Situação: aguardando pedido
Número de vagas: 720
Remuneração: pode chegar a 15 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,3 mil questões

CNMP – Conselho Nacional do Ministério Público

Situação: aguardando pedido
Número de vagas: 9
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,3 mil questões

concursos centro-oeste

Concursos Centro-Oeste

DF – Distrito Federal

  • PC-DF (Polícia Civil do Distrito Federal) – escolhendo banca
  • TC-DF (Tribunal de Contas do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • Agefis (Agência de Fiscalização do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • SEF-DF (Secretaria de Estado de Fazenda do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • SEFAZ-DF (Secretaria da Fazenda do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • DER-DF (Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal) – aguardando autorização
  • Confira todos os concursos abertos DF

GO – Goiás

concursos sudeste

Concursos Sudeste

ES – Espírito Santo

  • ARSP-ES (Agência de Regulação dos Serviços Públicos do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Jucees (Junta Comercial do Estado do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • PC-ES (Polícia Civil do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Seger-ES (Secretaria de Gestão e Recursos Humanos) – autorizado, aguardando edital
  • Iases (Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos ES

RJ – Rio de Janeiro

  • UFF (Universidade Federal Fluminense) – edital publicado, inscrições serão abertas em janeiro. Veja o que estudar.
  • PC-RJ (Polícia Civil do Rio de Janeiro) – banca confirmada, aguardando edital
  • PM-RJ (Polícia Militar do Rio de Janeiro) – autorizado, aguardando edital
  • DPE-RJ (Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro) – banca confirmada, aguardando edital
  • GM Volta Redonda (Guarda Municipal de Volta Redonda) – aguardando aprovação
  • GM Guapimirim (Guarda Municipal de Guapimirim) – aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos RJ

SP – São Paulo

  • Detran SP (Departamento Estadual de Trânsito) – banca escolhida, aguardando edital
  • PM-SP (Polícia Militar de São Paulo) – governador anunciou possíveis 13 mil vagas
  • PC-SP (Polícia Civil de São Paulo) – governador anunciou possíveis 8 mil vagas
  • Confira todos os concursos abertos SP

concursos nordeste

Concursos Nordeste

BA – Bahia

CE – Ceará

  • CGE (Controladoria e Ouvidoria Geral do Ceará) – aguardando edital
  • PM-CE (Polícia Militar do Ceará) – aguardando aprovação
  • MP-CE (Ministério Público do Estado do Ceará) – aguardando edital
  • Pefoce (Perícia Forense do Estado do Ceará) – aprovado,  aguardando edital
  • CGE-CE (Controladoria Geral do Estado do Ceará) – aprovado, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos CE

MA – Maranhão

  • Procon-MA (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor) – autorizado, aguardando edital
  • CBM-MA (Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão) – aguardando aprovação
  • Confira todos os concursos abertos MA

PE – Pernambuco

SE – Sergipe

Concursos Norte

AM – Amazonas

  • Idam (Instituto de Desenvolvimento do Amazonas) – autorizado, aguardando edital
  • PM-AM (Polícia Militar do Estado do Amazonas) – aguardando edital
  • PC-AM (Polícia Civil do Estado do Amazonas) – banca definida, aguardando edital
  • CBM-AM (Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Amazonas) – aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos AM

PA – Pará

  • Detran-PA (Departamento Estadual de Trânsito) – aguardando autorização
  • MP-PA (Ministério Público do Estado do Pará) – definindo banca
  • PC-PA (Polícia Civil do Estado do Pará) – banca definida, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos PA

concursos sul

Concursos Sul

PR – Paraná

  • IAP-PR (Instituto Ambiental do Paraná) – aguardando autorização
  • CRA-PR (Conselho Regional de Administração do Paraná) – aguardando aprovação
  • Confira todos os concursos abertos PR

SC – Santa Catarina

  • Deinfra-SC (Departamento de Infraestrutura de Santa Catarina) – aguardando edital
  • TRE-SC (Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina) – aguardando aprovação
  • TJ-PR (Tribunal de Justiça do Paraná) – banca definida, aguardando edital
  • TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) – comissão escolhida, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos SC

concursos 2019

Concursos Militares 2019

Os concursos militares possivelmente serão os que mais devem abrir vagas em 2019. Além das vagas já oferecidas anualmente, há promessas de novos presídios e cargos na Segurança Pública, o que deve aumentar a oferta. Há previsão de milhares de vagas para quem possui nível médio e superior, oferecendo estabilidade e bons salários.

Principais concursos do Exército

  • Concurso EsSA – Escola de Sargentos das Armas
  • Concurso EsFCEx – Escola de Formação Complementar do Exército
  • Concurso EsPCEx – Escola Preparatória de Cadetes do Exército
  • Concurso EsSex – Escola de Saúde do Exército
  • Vestibular IME – Instituto Militar de Engenharia

Principais Concursos da Marinha

  • Concurso EAM – Escola de Aprendizes Marinheiros
  • Concurso Escola Naval –  Ensino Superior da Marinha do Brasil
  • Concurso CAP – Corpo de Auxiliar de Praças
  • Concurso Efomm – Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante
  • Concurso Fuzileiro Naval – Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil

Principais Concursos Aeronáutica

  • Concurso EEAR – Escola de Especialistas de Aeronáutica
  • Concurso EAGS – Estágio de Adaptação à Graduação de Sargentos
  • Concurso CFS – Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica
  • Concurso Eaoear – Estágio de Adaptação de Oficiais Engenheiros da Aeronáutica
  • Concurso ITA – Instituto Tecnológico de Aeronáutica
  • Concurso Epcar – Escola Preparatória de Cadetes do Ar

Para se preparar para os concursos militares, o candidato deverá estudar com antecedência, e esperar uma carreira baseada em hierarquia e disciplina.

concurso prefeitura

Prefeituras 2019

Independentemente dos governos federal e estadual, sempre haverá concursos para prefeituras, afinal são 5.570 municípios, todos autônomos para promover seus próprios concursos públicos e efetivar seus planos de governo, sem depender dos rumos da esfera federal.

A grande dica para estudar para esses concursos é resolver questões da banca e provas antigas. Muitas vezes as perguntas podem até se repetir, por isso, resolva muitas questões da banca.

Principais bancas de concursos de prefeituras:

Idecan

Vunesp

Ibam

FCC

Como estudar para concurso público?

Agora que você já sabe que não há motivos para preocupação, é hora de pensar no seu planejamento e de começar a estudar.

Estude de acordo com o cargo que deseja ocupar.

Estude com provas antigas.

Estude resolvendo questões.

Veja os concursos que estão abertos ou previstos de acordo com a sua região.

Em caso de dúvida, acesse nossa Central de Ajuda.

O que esperar para os concursos em 2019

Em toda troca de governo é normal que haja preocupação entre os concurseiros sobre a abertura de vagas em concursos públicos. Há sempre um burburinho sobre quais mudanças podem ocorrer com a transição. Para os concursos de 2019, não será diferente.

Com um novo governo federal, surge a dúvida sobre haver ou não restrições aos concursos públicos. O questionamento é válido, mas existem diversos motivos para a promoção de novos certames nacionais.

Os servidores são parte essencial de um planejamento de longo prazo – a máquina federal não pode parar. Além disso, o novo governo terá interesse em manter e ampliar seus servidores para que possa executar suas políticas. Nesse sentido, algumas instituições são importantes para ampliar a arrecadação, como a Advocacia da União e a Receita Federal. Outras áreas são tão carentes de pessoal, que a necessidade de aumento dos quadros é urgente, como a Saúde e a Previdência Social. A pauta de Segurança, Defesa e Inteligência também está na ordem do dia, e deverá ser valorizada com a abertura de vagas.

Além da União, existem 26 Estados, Distrito Federal e 5.570 municípios – todos absolutamente autônomos para promover seus próprios concursos públicos e efetivar seus planos de governo independentemente dos rumos da esfera federal. Por fim, ainda há necessidade de concursos públicos para o Poder Judiciário (federal e estadual) e para o Poder Legislativo (federal, estadual e municipal). Somando todas essas instituições, são centenas de casas legislativas e tribunais que precisam de concursos e vão realizá-los. Então, não há motivos para se preocupar.

Concursos previstos para 2019

Proposta de Lei Orçamentária do ano de 2019 (LOA 2019), publicada em 31 de agosto, já previa as autorizações de provimentos e criação de cargos para o ano de 2019 para mais de 40 mil vagas, mais que o dobro do previsto na Lei Orçamentária de 2018. Além dessas posições, mais 4 mil cargos deverão ser criados para novos postos.

Veja quais vagas estão previstas em concursos públicos para 2019.

concursos públicos 2019

Poder executivo: 40.632 provimentos

Cargos e funções vagos: banco de professor e quadro de referência dos cargos de técnico-administrativo em Educação, UF Catalão-GO, UF Delta da Parnaíba-PI, UF Rondonópolis-MT, UF-Jataí-GO, UF Agreste de Pernambuco-PE, Agência Nacional das Águas (ANA), substituição de terceirizados, fixação de efetivos militares, CBM-DF, PM-DF e PC-DF.

Poder judiciário: 1.916 provimentos

Supremo Tribunal Federal (STF) , Supremo Tribunal de Justiça (STJ), Justiça Federal, Justiça Militar da União, Justiça Eleitoral, Justiça do Trabalho e Conselho Nacional de Justiça.

Defensoria pública da união (DPU): 455 provimentos

Poder legislativo: 130 provimentos

Câmara dos Deputados, Senado Federal e Tribunal de Contas da União (TCU).

MPU e Conselho nacional do MP: 12 provimentos

Esse é o maior número de provimentos autorizados desde 2014:

 

Ano   Provimentos autorizados
2014 59.571
2015 34.558
2016 10.969
2017 18.690
2018 20.298
2019 40.632
Fonte: LOA e PLOA.

Os recursos para bancar a contratação de novos servidores por concursos já autorizados ou em andamento estão disponíveis, por isso não devem sofrer alterações. Há boas oportunidades previstas para 2019:

Concursos federais 2019

Polícia Rodoviária Federal – PRF

Situação: Banca Cebraspe, aguardando edital
Número de vagas: 550
Remuneração: pode chegar a 10 mil
Nível: superior

Acesse a página especial deste concurso

Inmetro – Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 435
Remuneração: pode chegar a 18 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 2,1 mil questões

INSS – Instituto Nacional do Seguro Social

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 7.888
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 2,8 mil questões

Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 148
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Últimas questões comentadas

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 1.800
Remuneração: pode chegar a 8 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 4,1 mil questões

Receita Federal

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 5.000
Remuneração: pode chegar a 20 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,2 mil questões

Ancine – Agência Nacional de Cinema

Situação: aguardando autorização
Número de vagas: 15
Remuneração: pode chegar a 15 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de mil questões

ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres

Situação: aguardando pedido
Número de vagas: 720
Remuneração: pode chegar a 15 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,3 mil questões

CNMP – Conselho Nacional do Ministério Público

Situação: aguardando pedido
Número de vagas: 9
Remuneração: pode chegar a 12 mil
Nível: médio e superior
Conteúdo para estudar: Mais de 1,3 mil questões

concursos centro-oeste

Concursos Centro-Oeste

DF – Distrito Federal

  • PC-DF (Polícia Civil do Distrito Federal) – escolhendo banca
  • TC-DF (Tribunal de Contas do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • Agefis (Agência de Fiscalização do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • SEF-DF (Secretaria de Estado de Fazenda do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • SEFAZ-DF (Secretaria da Fazenda do Distrito Federal) – autorizado, aguardando edital
  • DER-DF (Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal) – aguardando autorização
  • Confira todos os concursos abertos DF

GO – Goiás

concursos sudeste

Concursos Sudeste

ES – Espírito Santo

  • ARSP-ES (Agência de Regulação dos Serviços Públicos do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Jucees (Junta Comercial do Estado do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • PC-ES (Polícia Civil do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Seger-ES (Secretaria de Gestão e Recursos Humanos) – autorizado, aguardando edital
  • Iases (Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo) – autorizado, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos ES

RJ – Rio de Janeiro

  • UFF (Universidade Federal Fluminense) – edital publicado, inscrições serão abertas em janeiro. Veja o que estudar.
  • PC-RJ (Polícia Civil do Rio de Janeiro) – banca confirmada, aguardando edital
  • PM-RJ (Polícia Militar do Rio de Janeiro) – autorizado, aguardando edital
  • DPE-RJ (Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro) – banca confirmada, aguardando edital
  • GM Volta Redonda (Guarda Municipal de Volta Redonda) – aguardando aprovação
  • GM Guapimirim (Guarda Municipal de Guapimirim) – aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos RJ

SP – São Paulo

  • Detran SP (Departamento Estadual de Trânsito) – banca escolhida, aguardando edital
  • PM-SP (Polícia Militar de São Paulo) – governador anunciou possíveis 13 mil vagas
  • PC-SP (Polícia Civil de São Paulo) – governador anunciou possíveis 8 mil vagas
  • Confira todos os concursos abertos SP

concursos nordeste

Concursos Nordeste

BA – Bahia

CE – Ceará

  • CGE (Controladoria e Ouvidoria Geral do Ceará) – aguardando edital
  • PM-CE (Polícia Militar do Ceará) – aguardando aprovação
  • MP-CE (Ministério Público do Estado do Ceará) – aguardando edital
  • Pefoce (Perícia Forense do Estado do Ceará) – aprovado,  aguardando edital
  • CGE-CE (Controladoria Geral do Estado do Ceará) – aprovado, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos CE

MA – Maranhão

  • Procon-MA (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor) – autorizado, aguardando edital
  • CBM-MA (Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão) – aguardando aprovação
  • Confira todos os concursos abertos MA

PE – Pernambuco

SE – Sergipe

Concursos Norte

AM – Amazonas

  • Idam (Instituto de Desenvolvimento do Amazonas) – autorizado, aguardando edital
  • PM-AM (Polícia Militar do Estado do Amazonas) – aguardando edital
  • PC-AM (Polícia Civil do Estado do Amazonas) – banca definida, aguardando edital
  • CBM-AM (Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Amazonas) – aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos AM

PA – Pará

  • Detran-PA (Departamento Estadual de Trânsito) – aguardando autorização
  • MP-PA (Ministério Público do Estado do Pará) – definindo banca
  • PC-PA (Polícia Civil do Estado do Pará) – banca definida, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos PA

concursos sul

Concursos Sul

PR – Paraná

  • IAP-PR (Instituto Ambiental do Paraná) – aguardando autorização
  • CRA-PR (Conselho Regional de Administração do Paraná) – aguardando aprovação
  • Confira todos os concursos abertos PR

SC – Santa Catarina

  • Deinfra-SC (Departamento de Infraestrutura de Santa Catarina) – aguardando edital
  • TRE-SC (Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina) – aguardando aprovação
  • TJ-PR (Tribunal de Justiça do Paraná) – banca definida, aguardando edital
  • TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) – comissão escolhida, aguardando edital
  • Confira todos os concursos abertos SC

concursos 2019

Concursos Militares 2019

Os concursos militares possivelmente serão os que mais devem abrir vagas em 2019. Além das vagas já oferecidas anualmente, há promessas de novos presídios e cargos na Segurança Pública, o que deve aumentar a oferta. Há previsão de milhares de vagas para quem possui nível médio e superior, oferecendo estabilidade e bons salários.

Principais concursos do Exército

  • Concurso EsSA – Escola de Sargentos das Armas
  • Concurso EsFCEx – Escola de Formação Complementar do Exército
  • Concurso EsPCEx – Escola Preparatória de Cadetes do Exército
  • Concurso EsSex – Escola de Saúde do Exército
  • Vestibular IME – Instituto Militar de Engenharia

Principais Concursos da Marinha

  • Concurso EAM – Escola de Aprendizes Marinheiros
  • Concurso Escola Naval –  Ensino Superior da Marinha do Brasil
  • Concurso CAP – Corpo de Auxiliar de Praças
  • Concurso Efomm – Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante
  • Concurso Fuzileiro Naval – Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil

Principais Concursos Aeronáutica

  • Concurso EEAR – Escola de Especialistas de Aeronáutica
  • Concurso EAGS – Estágio de Adaptação à Graduação de Sargentos
  • Concurso CFS – Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica
  • Concurso Eaoear – Estágio de Adaptação de Oficiais Engenheiros da Aeronáutica
  • Concurso ITA – Instituto Tecnológico de Aeronáutica
  • Concurso Epcar – Escola Preparatória de Cadetes do Ar

Para se preparar para os concursos militares, o candidato deverá estudar com antecedência, e esperar uma carreira baseada em hierarquia e disciplina.

concurso prefeitura

Prefeituras 2019

Independentemente dos governos federal e estadual, sempre haverá concursos para prefeituras, afinal são 5.570 municípios, todos autônomos para promover seus próprios concursos públicos e efetivar seus planos de governo, sem depender dos rumos da esfera federal.

A grande dica para estudar para esses concursos é resolver questões da banca e provas antigas. Muitas vezes as perguntas podem até se repetir, por isso, resolva muitas questões da banca.

Principais bancas de concursos de prefeituras:

Idecan

Vunesp

Ibam

FCC

Como estudar para concurso público?

Agora que você já sabe que não há motivos para preocupação, é hora de pensar no seu planejamento e de começar a estudar.

Estude de acordo com o cargo que deseja ocupar.

Estude com provas antigas.

Estude resolvendo questões.

Veja os concursos que estão abertos ou previstos de acordo com a sua região.

Em caso de dúvida, acesse nossa Central de Ajuda.

Câmara de Serrana – SP altera período de inscrições para novo Concurso Público

Objetivo é preencher oportunidades e formar cadastro reserva para profissionais de todos os níveis de escolaridade.

Sexta-feira, 23 de novembro de 2018 às 15h48

Câmara de Serrana - SP altera período de inscrições para novo Concurso PúblicoA Câmara de Serrana, no Estado de São Paulo, altera o período de inscrições para o novo Concursos Público, cujo objetivo é preencher oportunidades para profissionais de todos os níveis de escolaridade, além de formar cadastro reserva para possíveis admissões.

Agora, as inscrições são recebidas a partir de hoje, 23 de novembro de 2018, até o dia 7 de janeiro de 2019 por meio do endereço eletrônico da Vunesp, que é a empresa responsável pela organização deste Concurso. Para que as candidaturas sejam aceitas é necessário efetuar o pagamento de taxa que tem valores de R$ 44,50 a R$ 85,00.

O certame conta com vagas para Agente de Manutenção e Limpeza; Agente de Operações; Motorista; Técnico Legislativo (1); Analista Legislativo (1); Contador (1); Controlador Interno (1) e Procurador Jurídico, os quais devem cumprir jornadas de 20h a 35h de trabalho por semana, com remunerações cujos valores vão de R$ 2.052,27 a R$ 6.414,99 mensais.

Os candidatos às oportunidades em questão serão submetidos à prova objetiva, prova prática e prova prático-processual , cuja aplicação está prevista para acontecer a partir do dia 10 de fevereiro de 2019.

De acordo com o edital, que pode ser consultado em nosso site, este certame tem a validade de dois anos, passível de prorrogação por tempo semelhante.

Fique preparado adquirindo em nosso site a Apostila Digital específica deste certame, que foi elaborada de acordo com o conteúdo programático exigido.

Jornalista: Helena Pellim
Compartilhe:

Concurso Público é reaberto pela Câmara de Santo André – SP

Além do novo prazo de inscrição foram alterados itens do cronograma.

Sexta-feira, 9 de novembro de 2018 às 16h50

Concurso Público é reaberto pela Câmara de Santo André - SPNo Estado de São Paulo, a Câmara Municipal de Santo Andréreabriu as inscrições abertas para o Concurso Público que objetiva contratar profissionais de níveis Fundamental e Superior. Ao todo, são 28 vagas.

Os interessados podem se inscrever a partir de hoje dia 9 de novembro de 2018, até 13 de dezembro de 2018, via internet, por meio do site www.ibamsp-concursos.org.br. As taxas variam de R$ 45,00 a R$ 81,00.

Há oportunidades para Controlador Interno (1); Motorista do Legislativo (1); Procurador Legislativo (2); Técnicos Legislativos Administrativo (13), em Fotografia (1) e em Som e Imagem (1); e Técnicos Legislativos Especializados em Ciências Contábeis (1); Desenvolvimento de Sistemas Web (1); Designer Gráfico (1); Economia e Finanças (1); Engenharia (1); Gestão de Pessoas (1); Jornalismo (1); Psicologia (1) e Relações Públicas (1).

Com jornada de trabalho de 40 horas semanais, os servidores selecionados devem receber remunerações mensais que variam de R$ 3.005,95 a R$ 8.503,49, conforme determina o edital já disponível em nosso site.

Válido pelo período de dois anos, este Concurso Público consta das etapas de Provas Objetiva, Prática e de Títulos, de acordo com a função optada.

A primeira delas agora está prevista para o dia 20 de janeiro de 2019 e para auxiliar nos estudos, adquira em nosso site as Apostilas Digitais, elaboradas de acordo com o conteúdo exigido.

Jornalista: André Fortunato
Compartilhe:

7º Distrito Naval da Marinha anuncia Processo Seletivo

Objetivo é selecionar candidatos para o Serviço Militar Voluntário.

Quinta-feira, 22 de novembro de 2018 às 12h22

7º Distrito Naval da Marinha anuncia Processo SeletivoO Comando do 7º Distrito Naval da Marinha do Brasil anuncia o edital do Processo Seletivo para prestação do Serviço Militar Voluntário (SMV), como Praças, no total são 24 oportunidades.

Podem participar profissionais das áreas Industrial e de Saúde das seguintes especialidades: Mecânica (2); Motores (5); Telecomunicações (1); Eletrotécnica (1); Enfermagem (4); Higiene Dental (2); Nutrição e Dietética (2); Patologia Clínica (4) e Radiologia Médica (3), destinadas à Brasília – DF.

As inscrições podem ser realizadas a partir do dia 27 de novembro de 2018 até 11 de dezembro de 2018, para prestação do SMV.

Podem participar candidatos de ambos os sexos, de nível médio da área Industrial e de Saúde, pelo site www.marinha.mil.br, a taxa de participação tem valor de R$ 75,00.

Os candidatos serão classificados em sete etapas de classificação, sendo elas: Prova Objetiva na data prevista de 17 de março de 2019; Verificação de Dados Biográficos e Verificação Documental; Inspeção de Saúde; Teste de Aptidão Física; Prova de Títulos; Designação à incorporação e Incorporação.

Após convocação esses profissionais atuarão como Praças de 2ª Classe da Reserva da Marinha e receberão remuneração atinente à sua graduação, como previsto na Lei de Remuneração dos Militares.

É importante ressaltar que a jurisdição do 7º Distrito Naval é nos Estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal. Para mais informações acesse em nosso site o edital disponível para consulta.

E, para lhe auxiliar nos estudos, adquira a Apostila Digital deste certame em nosso site.

Jornalista: André Fortunato
Compartilhe:

Comando do 2º Distrito Naval da Marinha divulga Processo Seletivo

Área de jurisdição abrange os Estados de Bahia, Sergipe e Minas Gerais.

Quinta-feira, 22 de novembro de 2018 às 12h24

Comando do 2º Distrito Naval da Marinha divulga Processo SeletivoO Comando do 2º Distrito Naval da Marinha do Brasil divulgou o Processo Seletivo para convocação de 60 profissionais de nível fundamental e médio, de ambos os sexos para prestação do Serviço Militar Voluntário (SMV).

Candidatos das áreas de Saúde e Industrial, podem participar se inscrevendo às seguintes áreas: Técnico em Edificações (5); Técnico em Eletrônica (6); Técnico em Gráfica (1); Técnico em Mecânica (4); Técnico em Mecânica Automotiva (4); Técnico em Máquinas Navais (4); Técnico em Telecomunicações (5); Técnico em Eletrotécnica (5); Técnico em Enfermagem (6); Técnico em Nutrição e Dietética (2); Técnico em Patologia Clínica (2); Técnico em Farmácia (3); Técnico em Enfermagem (1); Técnico em Enfermagem (1); Marceneiro (4) e Soldador (7).

Esses profissionais prestarão SMV como Cabo ou Marinheiro Especializado em Salvador – BA; Aracaju – SE e Pirapora – MG, na área de jurisdição do 2º DN, que abrange os Estados da Bahia, Sergipe e Minas Gerais.

Os interessados podem realizar as inscrições entre 27 de novembro de 2018 até 11 de dezembro de 2018, pelo site www.marinha.mil.br, o valor da taxa de participação é de R$ 75,00.

São sete etapas de classificação, que os candidatos serão selecionados sendo elas: Prova Objetiva na data prevista de 17 de março de 2019; Verificação de Dados Biográficos e Verificação Documental; Inspeção de Saúde; Teste de Aptidão Física; Prova de Títulos; Designação à incorporação e Incorporação.

Após convocação esses profissionais atuarão como Praças de 2ª Classe da Reserva da Marinha e receberão remuneração atinente à sua graduação, como previsto na Lei de Remuneração dos Militares.

Para mais informações acesse em nosso site o edital disponível para consulta.

E, para lhe auxiliar nos estudos, adquira a Apostila Digital deste certame em nosso site.

Jornalista: André Fortunato
Compartilhe:

Processo Seletivo do Comando da Aeronáutica para EAS/ EIS/ EAT/ EIT é cancelado

Processo Seletivo do Comando da Aeronáutica para EAS/ EIS/ EAT/ EIT é cancelado

Divulgação ocorre por meio do Diário Oficial da União.

Sexta-feira, 23 de novembro de 2018 às 14h49

Processo Seletivo do Comando da Aeronáutica para EAS/ EIS/ EAT/ EIT é canceladoFoi divulgado nesta sexta-feira (23) por meio do Diário Oficial da União, o cancelamento do Processo Seletivo do Comando da Aeronáutica da Força Aérea Brasileira (FAB).

O objetivo da seleção era o recrutamento de profissionais ao Oficialato para atuarem em Serviço Militar Voluntário na função de Oficial da Reserva de 2ª Classe.

Para mais informações sobre o ato de revogação basta consultar o documento disponível em nosso site.

Jornalista: Helena Pellim
Compartilhe:

Programa Mais Médicos: reabertas as inscrições para vagas remanescentes

Candidatos devem se atentar para os novos requisitos exigidos.

Segunda-feira, 10 de dezembro de 2018 às 16h16

Programa Mais Médicos: reabertas as inscrições para vagas remanescentesNesta segunda-feira, 10, o Ministério da Saúde divulgou no Diário Oficial da União, o edital de chamamento público de Médicos formados em instituições de educação superior brasileiras e estrangeiras, conforme perfis especificados, para adesão ao Programa de Provisão de Médicos do Ministério da Saúde – Projeto Mais Médicos.

Poderão participar do chamamento público: Médicos formados em instituições de educação superior brasileiras ou com diploma revalidado no País; e Médicos brasileiros formados em instituições de educação superior estrangeiras com habilitação para exercício da Medicina no exterior; além de Médicos estrangeiros com habilitação para exercício da Medicina no exterior.

É necessário que os candidatos tenham os seguintes requisitos: Possuir certificado de conclusão de curso ou diploma de graduação em medicina em instituição de educação superior brasileira legalmente estabelecida e certificada pela legislação vigente; ou possuir diploma de graduação em medicina obtido em instituição de educação superior estrangeira revalidado no Brasil, na forma da lei; Possuir habilitação em situação regular para o exercício da medicina, mediante registro no Conselho Regional de Medicina (CRM); Não ser participante de programa de residência médica; Não estar prestando o Serviço Militar Obrigatório no período de vigência do Projeto; Não possuir vínculo de serviço com carga horária incompatível com as exigências do Projeto; Possuir conhecimentos de língua portuguesa e estar em situação regular perante autoridade competente na esfera criminal no Brasil.

Os profissionais estrangeiros devem comprovar o conhecimento da língua portuguesa em duas etapas, sendo a primeira mediante declaração apresentada no ato de inscrição; e mediante avaliação e aprovação no módulo de acolhimento e avaliação.

As inscrições para adesão ao Projeto Mais Médicos para o Brasil serão efetuadas via internet entre 11 e 14 de dezembro de 2018, através do Sistema de Gerenciamento de Programas- SGP, acessível pelo endereço eletrônico http://mais-medicos.gov.br.

A escolha do local de atuação – Município/DSEI – será disponibilizada ao médico com inscrição confirmada no SGP, no período indicado no cronograma disponível em nosso site, quando já divulgadas as vagas remanescentes do Edital nº 18-SGTES/MS, de 19 de novembro de 2018.

Os médicos participantes do Projeto realizarão curso de especialização em atenção básica à saúde, que será oferecido pelas instituições de educação superior brasileiras vinculadas ao Sistema Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS), de acordo com as regras estabelecidas pela instituição organizadora do curso e conforme Resolução nº 2, de 26 de outubro de 2015, da Coordenação do Projeto Mais Médicos para o Brasil, que dispõe sobre o caráter educacional dos Programas de Provisão de Médicos do Ministério da Saúde.

Àqueles que assumirem farão jus à bolsa-formação com valor mensal de R$ 11.865,60, que poderá ser paga pelo prazo máximo de 36 meses, prorrogáveis apenas na hipótese prevista na Portaria Interministerial nº 1.369/MS/MEC, de 8 de julho de 2013, e respectivas alterações. Cabe ao Médico cumprir semanalmente, 8 horas em atividades acadêmicas teóricas e 32 horas em atividades nas unidades básicas de saúde no Município ou carga horária condizente com as possibilidades conferidas pelas regras do Programa. Vale ressaltar que haverá ainda outros benefícios pagos aos profissionais.

As 8.517 vagas em 2.824 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI) estão distribuídas nos seguintes Estados e Cidades:

  • Acre: Acrelandia (3); Assis Brasil (2); Brasileia (7); Bujari (1); Capixaba (1); Cruzeiro do Sul (12); Epitaciolandia (4); Feijo (7); Mancio Lima (5); Manoel Urbano (4); Marechal Thaumaturgo (4); Placido de Castro (1); Porto Walter (4); Rio Branco (15); Rodrigues Alves (1); Santa Rosa do Purus (1); Sena Madureira (3); Tarauaca (7); Xapuri (5); Porto Acre (2).
  • Alagoas: Água Branca (3); Arapiraca (4); Barra de Santo Antônio (2); Belém (1); Belo Monte (3); Cacimbinhas (3); Campestre (2); Canapi (4); Cha Preta (3); Coité do Noia (1); Colônia Leopoldina (3); Coruripe (2); Craibas (2); dois Riachos (2); Feliz deserto (1); Igreja Nova (7); Inhapi (2); Jacaré dos Homens (1); Jacuipe (2); Joaquim Gomes (2); Jundiá (2); Maceió (2); Maragogi (2); Maravilha (3); Mata Grande (4); Matriz de Camaragibe (3); Minador do Negrão (1); Olho D’água das Flores (2); Olho D’água do Casado (3); Olivença (2); Ouro Branco (3); Palestina (1); Palmeira dos Índios (2)Pão de Açúcar (7); Pariconha (1); Penedo (7); Piacabucu (2); Piranhas (5); Porto de Pedras (1); Santana do Ipanema (5); São Brás (2); São José da Tapera (4); São Miguel dos Campos (2); Teotônio Vilela (2); União dos Palmares (5).
  • Amazonas: Alvarães (1); Amatura (1); Anama (2); Anori (1); Apuí (5); Atalaia do Norte (3); Autazes (1); Barcelos (2); Barreirinha (5); Benjamin Constant (5); Beruri (3); Boa Vista do Ramos (6); Borba (5); Caapiranga (2); Canutama (4); Carauari (2); Careiro (4); Careiro da Varzea (1); Coari (12); Codajas (5); Eirunepe (8); Envira (7); Fonte Boa (5); Guajara (1); Humaita (1); Iranduba (2); Itacoatiara (4); Itamarati (2); Itapiranga (2); Japura (3); Juruá (3); Jutai (6); Labrea (3); Manacapuru (5); Manaquiri (4); Manaus (8); Manicore (6); Maraã (4); Maués (6); Nhamunda (3); Nova Olinda do Norte (7); Novo Airão (3); Novo Aripuana (3); Parintins (9); Pauini (5); Presidente Figueiredo (1); Rio Preto da Eva (3); Santa Isabel do Rio Negro (2) Santo Antônio do Ica (4); São Gabriel da Cachoeira (7); São Paulo de Olivenca (7); São Sebastião do Uatuma (4); Silves (3); Tabatinga (1); Tapauá (3); Tefé (9); Tonantins (2); Urucara (2); Urucurituba (2).
  • Bahia: Serra do Navio (1); Amapa (1); Pedra Branca do Amapari (1); Calcoene (1); Cutias (2); Ferreira Gomes (1); Itaubal (1); Laranjal do Jari (6); Macapa (9); Mazagao (6); Oiapoque (6); Porto Grande (4); Pracuuba (1); Santana (21); Tartarugalzinho (3); Vitoria do Jari (3); Abaira (1); Abare (3); Adustina (3); água Fria (1); Alagoinhas (1); Almadina (1); Amargosa (1); Amelia Rodrigues (1); America dourada (1); Anage (2); Andarai (1); Andorinha (3); Angical (4); Anguera (4); Antas (2); Antônio Goncalves (1); Apora (4); Apuarema (3); Aramari (1); Arataca (1); Aratuipe (1); Baianopolis (2); Baixa Grande (4); Banzae (1); Barra (5); Barra da Estiva (1); Barra do Rocha (1); Barreiras (8); Barro Alto (1); Barrocas (1); Barro Preto (1); Belmonte (3); Biritinga (2); Boa Nova (4); Boa Vista do Tupim (4); Bom Jesus da Lapa (4); Boninal (1); Bonito (1); Boquira (3); Botupora (1); Brejoes (1); Brejolandia (1); Brotas de Macaubas (1); Brumado (7); Buritirama (4); Cabaceiras do Paráguacu (1); Cachoeira (1); Caetanos (2); Cairu (1); Caldeirao Grande (2); Camacari (1); Camamu (2); Campo Alegre de Lourdes (6); Campo Formoso (4); Canarana (4); Canavieiras (2); Candeal (2); Candeias (1); Candido Sales (4); Cansancao (6); Canudos (3); Capim Grosso (1); Caraibas (1); Caravelas (1); Cardeal da Silva (2); Carinhanha (4); Casa Nova (6); Castro Alves (1); Catolandia (1); Catu (1); Caturama (1); Central (6); Chorrocho (1); Cicero dantas (4); Cipo (4); Cocos (4); Conceicao do Almeida (1); Conceicao do Coite (3); Conceicao do Jacuipe (3); Conde (2); Condeuba (1); Contendas do Sincora (1); Coribe (2); Coronel João Sa (4); Correntina (8); Cotegipe (3); Cravolandia (1); Crisópolis (2); Cristópolis (2); Curaca (5); Dario Meira (3); Dias D’avila (3); Encruzilhada (1); Entre Rios (2); Esplanada (2); Euclides da Cunha (16); Eunapolis (6); Fatima (1); Feira da Mata (2); Feira de Santana (9);
    Filadelfia (1); Firmino Alves (1); Floresta Azul (1); Formosa do Rio Preto (4); Gentio do Ouro (2); Gongogi (3); Governador Mangabeira (2); Guajeru (2); Guanambi (1); Guaratinga (4); Iacu (2); Ibicoara (3); Ibicui (1); Ibipeba (2); Ibirapitanga (1); Ibirataia (2); Ibitiara (1); Ibitita (2); Ibotirama (2); Igrapiuna (1); Inhambupe (5); Ipecaeta (1); Ipiau (1); Ipira (5); Ipupiara (2); Irajuba (1); Iramaia (2); Iraquara (4); Irara (3); Itabela (1); Itaberaba (6); Itabuna (2); Itacare (3); Itaete (4); Itagi (1); Itagiba (3); Itáguacu da Bahia (2); Itaju do Colonia (2); Itajuipe (2); Itamaraju (3); Itamari (1); Itambe (1); Itanhem (1); Itaparica (2); Itapebi (1); Itapetinga (1); Itapicuru (2); Itapitanga (1); Itaquara (1); Itarantim (2); Itirucu (2); Itiuba (7); Itororo (1); Ituacu (2); Itubera (4); Iuiu (2); Jacobina (9); Jáguarari (3); Jáguaripe (3); Jequie (4); Jeremoabo (3); Jiquirica (3); Jitauna (1); João dourado (2); Juazeiro (1); Jucurucu (4); Jussara (2); Lafaiete Coutinho (2); Laje (3); Lajedão (2); Lajedo do Tabocal (2); Lamarao (3); Lapão (3); Lençóis (1); Livramento de Nossa Senhora (5); Macajuba (2); Macaubas (8); Macurure (2); Mairi (2); Malhada (3); Manoel Vitorino (2); Mansidao (3); Maracas (5); Maragogipe (7); Mascote (3); Medeiros Neto (4); Miguel Calmon (4); Milagres (1); Mirangaba (2); Monte Santo (8); Morpara (3); Morro do Chapeu (7); Mortugaba (1); Mucuge (1); Mucuri (1); Mundo Novo (4); Muniz Ferreira (1); Muquem de São Francisco (1); Muritiba (1); Nazare (3); Nilo Pecanha (2); Nordestina (1); Nova Canaa (3); Nova Fatima (1); Nova Ibia (1); Nova Itarana (3); Nova Redencao (3); Nova Soure (5); Nova Vicosa (4); Novo Triunfo (3); Olindina (5); Ourolandia (3); Palmas de Monte Alto (2); Palmeiras (4); Paramirim (1); Paratinga (4); Pau Brasil (3); Paulo Afonso (4); Pe de Serra (2); Pedrao (1); Pedro Alexandre (6); Pilao Arcado (4); Pindai (1); Pindobacu (4); Pintadas (1); Pirai do Norte (1); Piritiba (5); Planaltino (1); Pocoes (2); Potirágua (1); Prado (1); Presidente Tancredo Neves (2); Quijingue (5); Quixabeira (2); Rafael Jambeiro (2); Remanso (9); Retirolandia (1); Riachão das Neves (3); Riachão do Jacuipe (1); Riacho de Santana (2); Ribeira do Amparo (2); Ribeira do Pombal (3); Ribeirão do Largo (2); Rio do Antônio (3); Rodelas (1); Ruy Barbosa (2); Salinas da Margarida (1); Salvador (2); Santa Barbara (1); Santa Brigida (1); Santa Cruz Cabralia (4); Santa Cruz da Vitoria (1); Santa Inês (1); Santaluz (1); Santa Maria da Vitoria (6); Santana (2); Santanopolis (1); Santa Rita de Cássia (2); Santa Teresinha (1); Santo Amaro (1); Santo Antônio de Jesus (2); Santo Estevão (4); São Desiderio (3); São Domingos (3); São Felix (1); São Felix do Coribe (2); SãoFelipe (4); São Francisco do Conde (1); São Gabriel (2); São José da Vitoria (1); São José do Jacuipe (2); São Miguel das Matas (1); São Sebastiao do Passe (3); Satiro Dias (4); Saúde (1); Seabra (4); Sebastiao Laranjeiras (1); Senhor do Bonfim (2); Serra do Ramalho (6); Sento Se (7); Serra dourada (3); Serrinha (10); Serrolândia (3); Sitio do Mato (3); Sitio do Quinto (4); Tabocas do Brejo Velho (1); Tanhacu (1); Taperoa (4); Tapiramuta (1); Teixeira de Freitas (18); Teodoro Sampaio (1); Teofilandia (2); Teolandia (1); Terra Nova (1); Tremedal (5); Tucano (6); Uaua (7); Ubaira (2); Uibai (2); Umburanas (3); Una (1); Urandi (1); Urucuca (1); Valente (2); Varzea da Roca (4); Varzea do Poco (1); Varzea Nova (3); Vera Cruz (2); Vereda (1); Vitoria da Conquista (8); Wagner (1); Wanderley (4); Wenceslau Guimaraes (4).
  • Ceará: Acarau (10); Acopiara (10); Alcantaras (1); Altaneira (2); Amontada (3); Ararenda (3); Arneiroz (1); Assare (2); Barreira (1); Barroquinha (2); Baturite (4); Bela Cruz (6); Boa Viagem (1); Camocim (8); Campos Sales (1); Capistrano (1); Cariré (3); Carius (2); Carnaubal (2); Catunda (1); Cedro (6); Chaval (1); Choro (1); Chorozinho (3); Coreau (2); Crateus (6); Croata (1); Cruz (1); Deputado Irapuan Pinheiro (2); Ereré (1); Forquilha (2); Fortaleza (15); Fortim (1); Frecheirinha (2); Graca (1); Granja (12); Guaraciaba do Norte (8); Hidrolandia (2); Horizonte (2); Ibiapina (6); Icó (6); Iguatu (19); Independência (6); Ipaporanga (1); Ipu (7); Ipueiras (6); Iracema (3); Iraucuba (4); Itaicaba (1); Itapage (13); Itapipoca (3); Itapiuna (3); Itarema (6); Itatira (4); Jáguaretama (3); Jáguaribara (2); Jáguaribe (4); Jáguaruana (1); Jucas (1); Lavras da Mangabeira (1); Limoeiro do Norte (11); Madalena (2); Marco (6); Martinópole (1); Meruoca (2); Miraima (3); Mombaca (3); Monsenhor Tabosa (3); Morada Nova (20); Moraujo (4); Morrinhos (4); Mucambo (2); Mulungu (1); Nova Russas (4); Novo Oriente (2); Ocara (1); Oros (1); Pacajus (5); Pacatuba (2); Pacoti (1); Palhano (1); Palmacia (2); Paracuru (1); Parambu (7); Pedra Branca (2); Pereiro (4); Pindoretama (1); Piquet Carneiro (3); Pires Ferreira (2); Poranga (4); Quiterianopolis (3); Quixada (2); Quixeramobim (3); Reriutaba (5); Russas (2); Saboeiro (1); Santana do Acarau (4); Santa Quiteria (5); São Benedito (10); São Goncalo do Amarante (2); Senador Pompeu (5); Senador Sá (1); Sobral (9); Solonopole (2); Tabuleiro do Norte (2); Tamboril (9); Taua (4); Tiangua (7); Tururu (1); Ubajara (4); Umirim (1); Uruoca (6); Várzea Alegre (3); Viçosa do Ceara (10).
  • Distrito Federal: Brasília (21).
  • Espírito Santo: Afonso Claudio (6); Alegre (8); Alto Rio Novo (1); Aracruz (6); Barra de São Francisco (4); Boa Esperança (3); Bom Jesus do Norte (1); Brejetuba (3); Cachoeiro de Itapemirim (23); Cariacica (7); Castelo (3); Colatina (8); Conceição da Barra (4); domingos Martins (1); Ecoporanga (4); Guacui (2); Guarapari (2); Ibatiba (2); Ibiracu (3); Ibitirama (2); Irupi (1); Itáguacu (1); Iuna (4); Jáguare (1); Jerônimo Monteiro (1); Laranja da Terra (2); Linhares (7); Mantenopolis (1); Marataizes (2); Mimoso do Sul (4); Montanha (1); Nova Venecia (4); Pedro Canário (1); Pinheiros (5); Ponto Belo (1); Rio Bananal (2); Santa Leopoldina (2); Santa Maria de Jetibá (6); São Gabriel da Palha (5); São José do Calcado (1); São Mateus (15); Serra (29); Viana (7); Vila Pavão (1); Vila Valério (2); Vila Velha (9); Vitoria (5).
  • Goiás: Abadia de Goiás (1); Acreuna (1); Águas Lindas de Goiás (8); Alexania (6); Alto Paraiso de Goiás (1); Alvorada do Norte (1); Amaralina (1); Anicuns (1); Aparecida de Goiânia (10); Barro Alto (2); Bom Jardim de Goiás (2); Bonopolis (1); Brazabrantes (1); Britania (1); Buriti Alegre (1); Buriti de Goiás (1); Cachoeira Alta (1); Caiaponia (1); Caldazinha (1); Campinorte (2); Campo Alegre de Goiás (1); Campos Belos (3); Carmo do Rio Verde (2); Catalao (3); Cavalcante (2); Cezarina (2); Chapadão do Céu (1); Cidade Ocidental (6); Cocalzinho de Goiás (2); Córrego do Ouro (1); Corumbaíba (1); Cristalina (3); Crixas (3); Crominia (1); Damianopolis (1); Doverlandia (1); Edealina (1); Flores de Goiás (2); Formoso (1); Divinopolis de Goiás (1); Goianésia (3); Goiânia (2); Goianira (4); Guaraita (1); Guarani de Goiás (1); Heitorai (1); Israelandia (1); Itaberai (3); Itaucu (2); Jataí (3); Jesupolis (1); Leopoldo de Bulhões (1); Luziânia (9); Mambai (1); Minacu (3); Mineiros (1); Moipora (1); Morrinhos (3); Morro Agudo de Goiás (1); Mundo Novo (1); Mutunopolis (1); Neropolis (1); Niquelandia (4); Nova Crixas (1); Nova Gloria (2); Novo Gama (3); Novo Planalto (1); Piracanjuba (1); Pirenopolis (1); Pires do Rio (3); Planaltina (4); Porangatu (3); Portelandia (1); Professor Jamil (1); Rialma (1); Rubiataba (3); Santa Rita do Aráguaia (1); Santa Tereza de Goias (1); Santo Antônio do Descoberto (1); São Domingos (2); São Francisco de Goias (1); São João D’aliança (2); São Luiz do Norte (1); São Miguel do Aráguaia (2); Serranopolis (1); Silvania (2); Sitio D’abadia (1); Teresina de Goias (2); Turvania (1); Uruaçu (7); Uruana (1); Valparaiso de Goias (16); Vianopolis (1); Vila Boa (2); Vila Propicio (1).
  • Maranhão: Afonso Cunha (1); água doce do Maranhão (5); Altamira do Maranhão (2); Alto Alegre do Maranhão (6); Amapá do Maranhão (1); Amarante do Maranhão (8); Anajatuba (1); Anapurus (1); Apicum-Acu (4); Aráguana (3); Araioses (3); Arame (6); Arari (3); Axixa (2); Bacabal (8); Bacuri (2); Bacurituba (1); Balsas (5); Barra do Corda (14); Barreirinhas (4); Bela Vista do Maranhão (2); Bom Jardim (5); Bom Jesus das Selvas (4); Brejo de Areia (2); Buriti (2); Buriti Bravo (2); Buriticupu (5); Cajapio (1); Candido Mendes (4); Cantanhede (6); Capinzal do Norte (1); Carutapera (3); Caxias (6); Cedral (3); Central do Maranhão (2); Centro do Guilherme (1); Centro Novo do Maranhão (3); Chapadinha (15); Cidelandia (2); Codo (6); Coelho Neto (10); Colinas (1); Conceição do Lago-Acu (4); Coroata (11); Cururupu (6); Davinopolis (1); Dom Pedro (1); Duque Bacelar (2); Esperantinopolis (1); Estreito (3); Feira Nova do Maranhão (1); Fernando Falcao (1); Formosa da Serra Negra (2); Fortaleza dos Nogueiras (1); Fortuna (2); Godofredo Viana (2); Goncalves Dias (3); Governador Archer (2); Governador Eugenio Barros (2); Governador Nunes Freire (4); Graça Aranha (1); Grajau (5); Guimarães (2); Icatu (1); Igarape do Meio (1); Igarape Grande (2); Imperatriz (4); Itapecuru Mirim (9); Itinga do Maranhão (2); Jatoba (1); Junco do Maranhão (1); Lago da Pedra (4); Lago do Junco (4); Lago Verde (2); Lagoa do Mato (2); Lago dos Rodrigues (2); Lagoa Grande do Maranhão (2); Lajeado Novo (1); Loreto (2); Maracacume (1); Marajá do Sena (1); Maranhãozinho (2); Mata Roma (3); Matinha (2); Matões (3); Matões do Norte (4); Milagres do Maranhão (1); Mirador (2); Miranda do Norte (2); Mirinzal (2); Monção (4); Montes Altos (1); Morros (2); Nina Rodrigues (1); Nova Olinda do Maranhão (1); Olinda Nova do Maranhão (1); Palmeirandia (1); Paraibano (2); Pastos Bons (1); Paulo Ramos (1); Pedro do Rosario (6); Peritoro (5); Pindare-Mirim (1); Pinheiro (9); Pio Xii (1); Pirapemas (2); Pocao de Pedras (2); Porto Franco (1); Porto Rico do Maranhão (1); Presidente Dutra (4); Presidente Medici (1); Presidente Sarney (2); Presidente Vargas (1); Primeira Cruz (4); Riachao (1); Ribamar Fiquene (2); Sambaiba (1); Santa Filomena do Maranhão (1); Santa Helena (9); Santa Ines (11); Santa Luzia (4) Santa Luzia do Parua (2); Santa Quiteria do Maranhão (3); Santo Amaro do Maranhão (3); São Bento (2); São domingos do Maranhão (1); São Felix de Balsas (2); São Francisco do Maranhão (1); São João Batista (3); São João do Caru (2); São João do Paraíso (2); São José dos Basilios (3); São Luis (1); São Luis Gonzaga do Maranhão (2); São Mateus do Maranhão (2); São Pedro da água Branca (1); São Raimundo das Mangabeiras (1); São Raimundo do doca Bezerra (1); São Roberto (1); São Vicente Ferrer (2); Serrano do Maranhão (1); Sitio Novo (6); Sucupira do Norte (1); Tasso Fragoso (1); Timbiras (1); Timon (6); Tufilandia (2); Tuntum (4); Tutoia (4); Urbano Santos (6); Vargem Grande (5); Viana (2); Vitorino Freire (2); Zé doca (3).
  • Minas Gerais: Abre Campo (1); Acaiaca (1); Acucena (1); Águanil (1); Aiuruoca (1); Albertina (1); Alem Paraiba (2); Almenara (1); Alpinopolis (2); Alterosa (1); Alto Caparao (1); Alvarenga (1); Alvorada de Minas (1); Amparo do Serra (1); Andradas (2); Cachoeira de Pajeu (3); Angelandia (1); Antônio Carlos (2); Antônio Dias (1); Aracuai (4); Areado (1); Arinos (2); Augusto de Lima (1); Baependi (1); Baldim (2); Bandeira (1); Barao de Cocais (1); Barbacena (1); Barra Longa (3); Barroso (1); Belo Horizonte (10); Belo Vale (2); Berilo (2); Bertopolis (1); Berizal (1); Betim (3); Bom despacho (2); Bom Jesus do Galho (1); Bom Repouso (2); Bom Sucesso (2); Bonfinopolis de Minas (1); Botumirim (1); Braunas (1); Bueno Brandao (1); Buritis (3); Cabo Verde (1); Camanducaia (1); Cambui (1); Campos Altos (2); Campos Gerais (2); Capela Nova (1); Capelinha (1); Capetinga (2); Capitao Eneas (2); Caputira (1); Carai (3); Carandai (3); Caratinga (1); Carbonita (1); Carlos Chagas (1); Carmesia (1); Carmo do Cajuru (2); Catáguases (2); Catuji (2); Catuti (1); Chapada do Norte (4); Chapada Gaucha (2); Comercinho (1); Conceicao das Pedras (1); Conceicao das Alagoas (2); Conego Marinho (1); Congonhal (1); Conselheiro Lafaiete (1); Contagem (12); Corinto (1); Coroaci (1); Coronel Fabriciano (12); Coronel Murta (2); Coronel Xavier Chaves (1); Corrego danta (1); Couto de Magalhaes de Minas (1); Crisolita (1); Cristais (2); Cristiano Otoni (1); Crucilandia (1); Cruzeiro da Fortaleza (1); Curral de dentro (2); Curvelo (2); Datas (1); Delfinopolis (1); Diamantina (4); Dionisio (1); Divino (1); Divinópolis (18); Dores de Guanhaes (1); Dores do Turvo (1); Entre Rios de Minas (1); Ervalia (1); Esmeraldas (5); Estiva (2); Estrela do Sul (1); Felicio dos Santos (1); São Goncalo do Rio Preto (1); Fervedouro (1); Formoso (2); Francisco Badaro (2); Fronteira dos Vales (2); Fruta de Leite (1); Funilandia (1); Governador Valadares (7); Heliodora (1); Ibia (1); Icarai de Minas (2); Igarape (4); Inconfidentes (1); Inhapim (2); Ipatinga (6); Ipuiuna (1); Itabirinha (1); Itacambira (1); Itaipe (2); Itamarandiba (2); Itamarati de Minas (1); Itambacuri (2); Itapagipe (2); Itapecerica (2); Itueta (1); Ituiutaba (1); Jaboticatubas (3); Jacutinga (1); Jaiba (6); Januaria (3); Jequitai (1); Jequitiba (2); Joaima (2); João Pinheiro (4); José Goncalves de Minas (1); Juatuba (2); Juiz de Fora (10); Juruaia (1); Juvenilia (2); Lagoa da Prata (1); Lagoa dourada (1); Lagoa Grande (1); Lagoa Santa (2); Lajinha (2); Lambari (2); Laranjal (1); Lassance (1); Leopoldina (3); Liberdade (1); Madre de deus de Minas (1); Manga (1); Manhuacu (2); Mar de Espanha (2); Mario Campos (1); Maripa de Minas (1); Marlieria (1); Marmelopolis (1); Mata Verde (1); Matozinhos (2); Matutina (1); Medeiros (1); Medina (1); Minas Novas (5); Miravania (1); Moeda (2); Moema (2); Monjolos (1); Monte Belo (3); Monte Carmelo (2); Monte Formoso (2); Montes Claros (5); Monte Siao (2); Mutum (3); Nacip Raydan (2); Ninheira (1); Nova Porteirinha (1); Nova Resende (1); Novo Oriente de Minas (4); Ouro Verde de Minas (2); Pai Pedro (1); Para de Minas (4); Paraisopolis (1); Passos (5); Patos de Minas (4); Pavao (1); Pecanha (3); Pedra Azul (1); Pedra do Indaia (1); Pedra dourada (1); Pedras de Maria da Cruz (1); Pintopolis (2); Pirapetinga (1); Pitangui (1); Planura (1); Pocos de Caldas (9); Ponte Nova (3); Porteirinha (5); Pote (2); Prados (3); Pratinha (1); Presidente Kubitschek (1); Presidente Olegario (1); Prudente de Morais (2); Quartel Geral (1); Raposos (1); Raul Soares (1); Resende Costa (1); Ressaquinha (2); Riachinho (1); Ribeirão das Neves (17); Rio do Prado (1); Rio Espera (1); Rio Manso (1); Rio Novo (3); Rio Piracicaba (1); Ritapolis (1); Rubim (1); Sabara (7); Santa Barbara (3); Santa Barbara do Monte Verde (1); Santa Cruz de Minas (1); Santa Cruz de Salinas (1); Santa Efigenia de Minas (1); Santa Fe de Minas (1); Santa Helena de Minas (1); Santa Luzia (1);(4); Santa Maria do Suacui (2); Santana da Vargem (1); Santana do Paraiso (4); Santana do Riacho (1); Santa Rita do Itueto (1); Santa Rita do Sapucai (2); Santa Rosa da Serra (1); Santo Antônio do Amparo (1); Santo Antônio do Jacinto (1); Santo Hipolito (1); Santos Dumont (6); São Felix de Minas (1); São Francisco (2); São Gotardo (3); São João das Missoes (2); São João del Rei (10); São João do Oriente (2); São João do Paraiso (1); São João Evangelista (1); São José da Barra (1); São José da Varginha (2); São José do Jacuri (1); São Miguel do Anta (2); São Pedro dos Ferros (1); São Pedro do Suacui (1); São Sebastião da Vargem Alegre (1); São Sebastião do Maranhão (2); São Sebastião do Oeste (1); São Tiago (1); São Thome das Letras (1); Sapucai-Mirim (1); Sem-Peixe (1); Senador Modestino Goncalves (1); Serra dos Aimores (1); Serrania (1); Serranopolis de Minas (1); Sete Lagoas (10); Sobralia (1); Tabuleiro (1); Taquaracu de Minas (1); Teofilo Otoni (3); Timoteo (2); Tiradentes (1); Tiros (2); Tombos (1); Três Marias (4); Três Pontas (2); Uba (1); Uberaba (6); Uberlândia (6); Umburatiba (1); Unai (5); Urucuia (1); Varginha (2); Varjao de Minas (1); Vespasiano (2); Vieiras (1); Virgem da Lapa (3); Wenceslau Braz (1).
  • Mato Grosso do Sul: Alcinopolis (1); Amambai (1); Angelica (1); Antônio João (2); Aquidauana (2); Aral Moreira (1); Bandeirantes (2); Batáguassu (1); Bela Vista (3); Bonito (2); Brasilandia (2); Caracol (1); Chapadao do Sul (3); Corguinho (1); Coronel Sapucaia (2); Corumba (10); Costa Rica (5); Coxim (6); Deodapolis (4); Dois Irmãos do Buriti (1); Dourados (9); Eldorado (1); Figueirao (1); Gloria de dourados (2); Guia Lopes da Laguna (1); Iguatemi (3); Itaquirai (1); Ivinhema (2); Japora (2); Jaráguari (1); Jardim (2); Jatei (1); Ladario (2); Mundo Novo (1); Nova Andradina (1); Paranhos (3); Pedro Gomes (2); Porto Murtinho (1); Ribas do Rio Pardo (1); Rio Verde de Mato Grosso (4); Santa Rita do Pardo (2); São Gabriel do Oeste (2); Sete Quedas (3); Selviria (1); Sonora (1); Tacuru (3).
  • Mato Grosso: Água Boa (2); Alta Floresta (1); Alto Aráguaia (1); Alto Boa Vista (1); Alto Taquari (2); Apiacas (1); Barra do Garcas (1); Bom Jesus do Aráguaia (2); Brasnorte (1); Caceres (3); Canarana (3); Chapada dos Guimaraes (2); Claudia (1); Colider (2); Colniza (5); Confresa (1); Cotriguacu (2); Curvelandia (1); Diamantino (1); Guiratinga (1); Juara (2); Juina (1); Luciara (1); Vila Bela da Santissima Trindade (2); Marcelandia (2); Mirassol D’oeste (2); Nortelandia (1); Nova Nazare (1); Nova Santa Helena (1); Nova Brasilandia (1); Nova Canaa do Norte (2); Nova Mutum (2); Nova Olimpia (3); Nova Xavantina (1); Paranaita (1); Paranatinga (1); Novo Santo Antônio (1); Peixoto de Azevedo (4); Pontes E Lacerda (3); Porto Alegre do Norte (1); Porto Esperidiao (2); Porto Estrela (1); Reserva do Cabacal (1); Ribeirãozinho (1); São José do Povo (1); São José do Xingu (1); Rondonopolis (1); Tangara da Serra (15); Tesouro (1); Varzea Grande (1); Vila Rica (2); Nova Maringa (1); Nova Monte Verde (1).
  • Pará: Abaetetuba (8); Abel Figueiredo (1); Afua (3); Água Azul do Norte (4); Alenquer (5); Almeirim (5); Altamira (9); Anajas (3); Anapu (3); Augusto Correa (2); Aurora do Para (2); Aveiro (6); Bagre (4); Baião (6); Bannach (2); Barcarena (1); Belem (2); Belterra (2); Bom Jesus do TO (2); Bonito (1); Bragança (15); Brasil Novo (2); Brejo Grande do Aráguaia (2); Breves (9); Bujaru (3); Cachoeira do Piria (5); Cachoeira do Arari (4); Cameta (5); Canaã dos Carajas (1); Capitao Poco (2); Castanhal (6); Chaves (4); Colares (4); Conceição do Aráguaia (1); Cumaru do Norte (3); Curionopolis (4); Curralinho (4); Curua (4); Curuca (1); Eldorado dos Carajas (5); Faro (3); Floresta do Aráguaia (4); Garrafão do Norte (2); Goianesia do Para (6); Gurupa (3); Igarape-Acu (2); Inhangapi (3); Ipixuna do Para (7); Itaituba (5); Itupiranga (7); Jacareacanga (2); Jacunda (3); Juruti (4); Limoeiro do Ajuru (2); Mãe do Rio (8); Magalhães Barata (2); Maraba (5); Maracana (2); Marapanim (7); Marituba (3); Medicilandia (4); Melgaco (7); Mocajuba (3); Monte Alegre (8); Muana (7); Nova Esperanca do Piria (4); Nova Ipixuna (1); Nova Timboteua (4); Novo Progresso (6); Novo Repartimento (9); Obidos (7); Oeiras do Para (4); Oriximina (8); Ourem (4); Ourilandia do Norte (2); Pacaja (7); Palestina do Para (2); Paragominas (11); Parauapebas (3); Peixe-Boi (1); Placas (2); Ponta de Pedras (4); Portel (9); Porto de Moz (5); Prainha (4); Primavera (1); Quatipuru (1); Redenção (1); Rio Maria (4); Ruropolis (3); Santa Cruz do Arari (2); Santa Maria das Barreiras (3); Santa Maria do Para (2); Santana do Aráguaia (9); Santarém (17); Santo Antônio do Taua (1); São domingos do Aráguaia (1); São domingos do Capim (3); São Felix do Xingu (11); São João da Ponta (2); São João de Pirabas (5); São Sebastião da Boa Vista (5); Senador José Porfirio (4); Soure (6); Tailândia (3); Terra Santa (1); Tome-Acu (4); Tracuateua (4); Trairão (1); Tucuma (4); Tucurui (13); Ulianopolis (1); Uruara (5); Vigia (5); Viseu (9); Vitoria do Xingu (3); Xinguara (2).
  • Paraíba: Água Branca (3); Aguiar (1); Alagoinha (2); Amparo (1); Araruna (2); Areia (1); Assunção (2); Barauna (2); Belém (4); Bernardino Batista (2); Boa Ventura (2); Boqueirão (1); Igaracy (1); Caapora (1); Cabedelo (1); Cacimba de dentro (2); Cajazeiras (9); Cajazeirinhas (2); Caldas Brandão (1); Caraubas (1); Carrapateira (1); Caturite (2); Congo (1); Cuite (2); Damião (1); Desterro (1); Frei Martinho (1); Gado Bravo (1); Guarabira (2); Gurjao (1); Itapororoca (1); Juazeirinho (1); Junco do Serido (1); Juru (1); Lagoa (2); Manaira (2); Mogeiro (1); Monteiro (2); Mulungu (1); Nova Olinda (1); Olho D’água (2); Patos (2); Pedra Lavrada (1); Pianco (2); Picui (1); Pilar (1); Pirpirituba (1); Poco Dantas (1); Pombal (7); Princesa Isabel (4); Puxinana (1); Remigio (1); Riachão (1); Salgado de São Felix (1); Santa Cecília (3); Santana de Mangueira (1); Santana dos Garrotes (1); Joca Claudino (1); Santa Rita (2); São Bento (2); São Bentinho (1); São José de Piranhas (2); São José de Princesa (2); São José do Sabugi (1); São Sebastião do Umbuzeiro (1); São Vicente do Serido (1); Serra Grande (1); Solanea (1); Sossego (1); Sousa (2); Sume (1); Taperoa (2); Teixeira (2); Triunfo (1); Umbuzeiro (2).
  • Pernambuco: Abreu e Lima (3); Afogados da Ingazeira (5); Agrestina (3); Água Preta (5); Águas Belas (9); Alagoinha (3); Altinho (3); Arcoverde (7); Barra de Guabiraba (1); Belém do São Francisco (3); Bezerros (2); Bodoco (2); Bom Conselho (6); Bom Jardim (1); Bonito (2); Brejo da Madre de deus (10); Buenos Aires (2); Buique (8); Cabo de Santo Agostinho (5); Cabrobo (4); Cachoeirinha (2); Caetes (4); Calcado (1); Calumbi (1); Camaragibe (2); Camocim de São Felix (2); Capoeiras (3); Carnaíba (1); Carnaubeira da Penha (1); Carpina (4); Caruaru (15); Catende (3); Cha Grande (1); Condado (2); Cumaru (1); Cupira (2); Custodia (3); Dormentes (1); Escada (3); Exu (2); Feira Nova (2); Flores (3); Floresta (9); Frei Miguelinho (5); Gameleira (2); Garanhuns (1); Goiana (5); Granito (1); Gravata (2); Ibimirim (2); Ibirajuba (4); Igarassu (11); Inaja (6); Ingazeira (1); Ipojuca (1); Ipubi (1); Itacuruba (1); Itaiba (6); Itambé (3); Itapetim (1); Itapissuma (1); Itaquitinga (1); Jaboatão dos Guararapes (15); Jaqueira (3); Jurema (3); Lagoa do Carro (2); Lagoa do Ouro (4); Machados (3); Manari (4); Maraial (1); Moreno (1); Olinda (2); Oroco (1); Ouricuri (12); Palmares (8); Palmeirina (1); Panelas (4); Parnamirim (4); Passira (3); Paudalho (3); Paulista (15); Pedra (2); Pesqueira (5); Petrolina (3); Poção (1); Primavera (1); Quipapa (4); Quixaba (1); Recife (13); Riacho das Almas (1); Salgadinho (1); Salgueiro (4); Saloa (2); Sanharo (2); Santa Cruz do Capibaribe (10); Santa Filomena (2); Santa Maria da Boa Vista (4); Santa Maria do Cambuca (1); Santa Terezinha (2); São Benedito do Sul (3); São Bento do Una (6); São Caetano (3); São Joaquim do Monte (1); São José do Belmonte (7); São José do Egito (6); São Vicente Ferrer (2); Serra Talhada (6); Sertania (2); Sirinhaem (1); Moreilandia (1); Surubim (5); Tabira (4); Tacaimbo (1); Tacaratu (3); Tamandaré (2); Taquaritinga do Norte (1); Terra Nova (2); Tracunhaem (1); Tupanatinga (2); Tuparetama (1); Venturosa (3); Verdejante (1); Vertentes (1); Vicencia (2); Vitoria de Santo Antão (1).
  • Piauí: Alagoinha do Piauí (1); Alegrete do Piauí (1); Altos (3); Amarante (2); Anisio de Abreu (2); Antônio Almeida (2); Avelino Lopes (3); Baixa Grande do Ribeiro (3); Barras (3); Barreiras do Piauí (2); Batalha (2); Bertolinia (1); Betania do Piauí (2); Bonfim do Piauí (1); Brasileira (1); Buriti dos Lopes (4); Cajueiro da Praia (1); Caldeirão Grande do Piauí (1); Campo Alegre do Fidalgo (1); Campo Largo do Piauí (1); Campo Maior (8); Canavieira (1); Capitão de Campos (2); Capitão Gervasio Oliveira (1); Caracol (1); Caraubas do Piauí (1); Cocal (4); Colônia do Gurgueia (1); Conceição do Caninde (1); Corrente (6); Cristalândia do Piauí (2); Curimata (1); Demerval Lobão (1); Dom Inocêncio (2); Eliseu Martins (1); Esperantina (8); Francinopolis (1); Gilbues (3); Guaribas (2); Hugo Napoleão (1); Ilha Grande (1); Inhuma (1); Itainopolis (1); Jacobina do Piauí (1); Jaicós (4); Jardim do Mulato (1); Jerumenha (1); João Costa (1); Joca Marques (1); José de Freitas (4); Julio Borges (2); Lagoa do Barro do Piauí (1); Lagoa de São Francisco (1); Luis Correia (4); Luzilandia (1); Madeiro (1); Manoel Emidio (1); Marcos Parente (1); Massape do Piauí (1); Matias Olimpio (4); Miguel Alves (4); Milton Brandao (1); Monsenhor Gil (3); Monsenhor Hipolito (2); Monte Alegre do Piauí (2); Morro Cabeça No Tempo (2); Nossa Senhora de Nazaré (1); Oeiras (2); Parnágua (2); Passagem Franca do Piauí (1); Patos do Piauí (1); Pavussu (2); Pedro II (2); Picos (5); Pimenteiras (2); Pio IX (4); Porto (4); Prata do Piauí (1); Redenção do Gurgueia (1); Regeneração (4); Riacho Frio (1); Ribeiro Goncalves (2); Rio Grande do Piauí (1); Santa Filomena (2); Santa Rosa do Piauí (1); São Francisco de Assis do Piauí (2); São Gonçalo do Gurgueia (1); São João do Piauí (4); São José do Divino (1); São José do Peixe (1); São Juliao (1); São Luis do Piauí (1); São Raimundo Nonato (6); Sebastião Barros (1); Sigefredo Pacheco (4); Simplicio Mendes (1); Tamboril do Piauí (1); União (1); Urucui (2); Vila Nova do Piauí (1).
  • Paraná: Abatia (1); Adrianópolis (1); Alvorada do Sul (1); Ampere (3); Anahy (1); Andirá (2); Antonina (3); Apucarana (10); Arapongas (1); Arapoti (1); Araucária (3); Assai (4); Assis Chateaubriand (2); Astorga (1); Atalaia (1); Balsa Nova (4); Bela Vista da Caroba (1); Boa Esperança do Iguaçu (1); Boa Ventura de São Roque (1); Bocaiúva do Sul (1); Borrazopolis (1); Braganey (1); Cafelândia (1); Califórnia (2); Cambe (1); Campo Bonito (1); Campo Largo (1); Campo Magro (5); Campo Mourão (5); Candido de Abreu (3); Condoí (2); Cantagalo (1); Capanema (2); Capitão Leônidas Marques (2); Carambei (3); Castro (3); Céu Azul (1); Chopinzinho (1); Cianorte (2); Clevelândia (1); Colombo (4); Colorado (1); Contenda (1); Cornélio Procópio (3); Coronel domingos Soares (2); Cruzeiro do Iguaçu (1); Cruzeiro do Sul (1); Cruz Machado (2); Curitiba (5); Diamante do Norte (2); Dois Vizinhos (3); Eneas Marques (1); Esperança Nova (1); Fazenda Rio Grande (1); Formosa do Oeste (1); Foz do Iguaçu (9); Francisco Beltrao (2); General Carneiro (1); Grandes Rios (1); Guairá (3); Guapirama (1); Guaporema (1); Guarapuava (10); Guaraquecaba (2); Ibaiti (1);
    Ibema (1); Ibipora (5); Iguaracu (1); Imbituva (2); Inácio Martins (1); Inajá (1); Ipiranga (1); Irati (3); Iretama (1); Itambaraca (1); Itambe (1); Itaperucu (2); Itauna do Sul (1); Ivai (2); Ivaipora (2); Jaboti (1); Jacarezinho (2); Jáguapita (1); Jáguariaiva (2); Japira (1); Jataizinho (2); Jesuitas (1); Joaquim Tavora (1); Juranda (1); Jussara (1); Laranjal (1); Laranjeiras do Sul (3); Lidianopolis (1); Loanda (3); Londrina (10); Mallet (2); Mandáguari (2); Mandirituba (1); Manoel Ribas (2); Marechal Candido Rondon (5); Marilandia do Sul (1); Maringa (2); Mariopolis (2); Maripa (1); Maua da Serra (1); Mercedes (1); Moreira Sales (2); Morretes (3); Nova Esperanca (3); Nova Esperanca do Sudoeste (1); Nova Laranjeiras (1); Nova Santa Rosa (3); Nova Prata do Iguaçu (1); Nova Tebas (1); Ortigueira (5); Paicandu (7); Palmas (3); Palmeira (2); Paranacity (1); Paranágua (3); Paranavaí (6); Pato Bragado (1); Pato Branco (5); Peabiru (1); Perola D’oeste (1); Pinhais (3); Pinhao (4); Pirai do Sul (6); Piraquara (3); Pitanga (4); Planalto (1); Ponta Grossa (56); Pontal do Paraná (3); Pranchita (1); Prudentopolis (2); Quarto Centenario (1); Quatro Barras (1); Quatro Pontes (1); Quedas do Iguacu (5); Querência do Norte (1); Quitandinha (2); Realeza (1); Reboucas (2); Renascenca (2); Reserva (1); Rio Bom (1); Rio Bonito do Iguacu (2); Rio Branco do Sul (4); Rio Negro (3); Roncador (2); Rondon (1); Salgado Filho (1); Salto do Itararé (1); Santa Cecília do Pavão (1); Santa Helena (3); Santa Lucia (1); Santa Mariana (1); Santa Tereza do Oeste (1); Santo Antônio da Platina (2); Santo Inácio (1); São Carlos do Ivaí (1); São João do Triunfo (1); São Jorge do Ivai (1); São José das Palmeiras (1); São Manoel do Paraná (1); São Mateus do Sul (10); São Miguel do Iguaçu (5); São Pedro do Parana (1); São Tome (1); Sarandi (1); Senges (1); Sertanópolis (1); Tamarana (1); Telêmaco Borba (7); Terra Rica (1); Terra Roxa (4); Tibagi (2); Tijucas do Sul (1); Toledo (4); Tunas do Paraná (2); Turvo (1); Ubiratã (1); União da Vitoria (1); Wenceslau Braz (4); Vera Cruz do Oeste (1); Virmond (1).
  • Rio de Janeiro: Angra dos Reis (10); Aperibe (1); Araruama (4); Barra do Pirai (6); Barra Mansa (4); Belford Roxo (1); Cambuci (3); Carapebus (1); Comendador Levy Gasparian (2); Campos dos Goytacazes (8); Conceição de Macabu (3); Duque de Caxias (13); Engenheiro Paulo de Frontin (2); Iguaba Grande (1); Itaborai (6); Itaocara (3); Itatiaia (4); Japeri (6); Mangaratiba (2); Marica (5); Mendes (1); Mesquita (5); Miracema (2); Nilópolis (1); Niterói (9); Nova Friburgo (13); Paraiba do Sul (6); Petrópolis (1); Pirai (3); Quatis (1); Queimados (7); Quissama (1); Rio Claro (2); Rio das Ostras (7); Rio de Janeiro (45); Santo Antônio de Padua (2); São Fidelis (1); São João da Barra (2); São João de Meriti (4); São José do Vale do Rio Preto (1); São Pedro da Aldeia (3); São Sebastião do Alto (1); Sapucaia (1); Seropédica (3); Silva Jardim (1); Teresópolis (5); Trajano de Moraes (4); Três Rios (9); Varre-Sai (1); Volta Redonda (1).
  • Rio Grande do Norte: Acari (3); Assu (6); Afonso Bezerra (1); Água Nova (1); Alexandria (1); Apodi (2); Bodo (1); Brejinho (1); Caico (9); Canguaretama (3); Caraúbas (3); Coronel Ezequiel (1); Currais Novos (7); Extremoz (1); Felipe Guerra (1); Grossos (1); Guamare (2); Ielmo Marinho (1); Ipanguacu (2); Itaja (2); Jacana (1); Jandaira (1); Jardim de Angicos (1); Jardim de Piranhas (3); Jardim do Seridó (2); João Camara (6); Lagoa D’anta (2); Lagoa Nova (2); Lagoa Salgada (1); Lajes (1); Luis Gomes (1); Macaíba (1); Macau (1); Marcelino Vieira (1); Monte Alegre (2); Mossoró (14); Natal (1); Nova Cruz (7); Parazinho (1); Parelhas (4); Santa Maria (1); Pau dos Ferros (4); Pedra Grande (1); Pedra Preta (1); Pedro Avelino (1); Poco Branco (1); Rafael Fernandes (1); Riacho de Santana (2); Santana do Matos (2); São Francisco do Oeste (2); São João do Sabugi (1); São José do Campestre (3); São Paulo do Potengi (2); São Pedro (1); São Tome (2); São Vicente (1); Serra Negra do Norte (1); Serrinha (1); Taboleiro Grande (1); Timbauba dos Batistas (1); Touros (2); Várzea (1); Venha-Ver (1); Vera Cruz (2); Vila Flor (1).
  • Rondônia: Ariquemes (5); Cabixi (1); Cacoal (1); Cerejeiras (4); Colorado do Oeste (3); Corumbiara (3); Costa Marques (2); Espigão D’oeste (2); Guajará-Mirim (5); Jaru (6); Ji-Paraná (5); Machadinho D’oeste (6); Nova Brasilândia D’oeste (2); Ouro Preto do Oeste (9); Pimenta Bueno (1); Porto Velho (13); Presidente Médici (2); Rio Crespo (2); Rolim de Moura (6); Santa Luzia D’oeste (2); Vilhena (9); São Miguel do Guapore (2); Nova Mamoré (3); Alto Alegre dos Parecis (2); Alto Paraíso (5); Buritis (1); Novo Horizonte do Oeste (2); Cacaulandia (1); Campo Novo de Rondônia (4); Candeias do Jamari (5); Castanheiras (1); Chupinguaia (3); Cujubim (1); Governador Jorge Teixeira (4); Itapua do Oeste (1); Mirante da Serra (3); Monte Negro (4); Nova União (2); Parecis (2); Primavera de Rondônia (1); São Francisco do Guaporé (4); Seringueiras (4); Teixeirópolis (1); Theobroma (1); Urupá (3); Vale do Paraíso (2).
  • Roraima: Amajari (4); Alto Alegre (5); Boa Vista (8); Bonfim (3); Canta (4); Caracarai (4); Caroebe (2); Iracema (1); Normandia (1); Rorainopolis (6); São João da Baliza (1); São Luiz (2); Uiramuta (2).
  • Rio Grande do Sul: Água Santa (1); Ajuricaba (3); Alegrete (2); Almirante Tamandaré do Sul (1); Alto Alegre (1); Alto Feliz (1); Alvorada (7); Ametista do Sul (1); Andre da Rocha (1); Antônio Prado (2); Arariça (1); Arroio do Sal (3); Arroio do Padre (1); Arroio dos Ratos (1); Arroio do Tigre (2); Aurea (1); Bage (4); Barão de Cotegipe (1); Barão do Triunfo (1); Barracão (1); Barra do Quarai (1); Barra do Rio Azul (1); Bento Goncalves (1); Boa Vista das Missões (1); Boa Vista do Buricá (1); Boa Vista do Incra (1); Bom Retiro do Sul (1); Boqueirão do Leão (1); Braga (1); Butia (3); Caçapava do Sul (3); Cacequi (2); Cachoeira do Sul (5); Cachoeirinha (6); Caibate (1); Camapuã (2); Camargo (1); Campinas do Sul (1); Campo Novo (1); Campos Borges (1); Candelária (2); Candido Godói (1); Candiota (2); Cangucu (2); Canoas (8); Canudos do Vale (1); Capao Bonito do Sul (1); Capão da Canoa (1); Capela de Santana (2); Carazinho (3); Caraa (3); Carlos Barbosa (2); Carlos Gomes (1); Casca (1); Catuipe (1); Caxias do Sul (7); Cerrito (2); Cerro Grande (1); Cerro Largo (3); Chapada (1); Charqueadas (2); Cidreira (1); Ciriaco (1); Colinas (1); Colorado (1); Constantina (1); Coqueiros do Sul (1); Cotipora (1); Crissiumal (2); Cristal (1); Cruz Alta (3); Cruzaltense (1); David Canabarro (1); Dois Irmãos (3); Dois Irmãos das Missões (1); dom Feliciano (2); dom Pedrito (3); doutor Ricardo (1); Eldorado do Sul (5); Encantado (2); Encruzilhada do Sul (4);
    Entre-Ijuis (1); Entre Rios do Sul (1); Erebango (1); Erechim (1); Ernestina (1); Herval (1); Erval Grande (1); Erval Seco (1); Esperança do Sul (1); Espumoso (4); Estância Velha (5); Estrela (2); Eugenio de Castro (1); Fagundes Varela (1); Farroupilha (2); Faxinal do Soturno (2); Fazenda Vilanova (1); Flores da Cunha (2); Fontoura Xavier (1); Formigueiro (2); Frederico Westphalen (4); General Câmara (1); Getulio Vargas (1); Gravatai (18); Guaiba (6); Guarani das Missões (2); Harmonia (1); Herveiras (1); Hulha Negra (1); Ibiraiaras (1); Ibiruba (4); Igrejinha (3); Ilopolis (2); Imigrante (1);
    Independência (1); Inhacora (1); Ipê (2); Irai (1); Itaara (2); Itacurubi (1); Itaqui (1); Ivora (1); Ivoti (3); Jaboticaba (1); Jacuizinho (1); Jáguarão (1); Joia (1); Julio de Castilhos (1); Lagoa Bonita do Sul (1); Lagoa Vermelha (3); Lajeado (9); Lajeado do Bugre (1); Lavras do Sul (2); Lindolfo Collor (2); Macambara (1); Mampituba (1); Maquine (1); Marata (1); Marau (2); Marcelino Ramos (1); Mariana Pimentel (1); Mata (1); Mato Castelhano (1); Mato Leitão (1); Mato Queimado (1); Maximiliano de Almeida (1); Minas do Leao (2); Monte Alegre dos Campos (1); Monte Belo do Sul (1); Mormaco (1); Morrinhos do Sul (1); Morro Redondo (1); Muliterno (1); Nao-Me-Toque (2); Nonoai (2); Nova Araca (1); Nova Esperança do Sul (1) Nova Hartz (3); Nova Palma (3); Nova Ramada (1); Nova Santa Rita (4); Novo Hamburgo (22); Novo Barreiro (1); Paim Filho (1); Palmares do Sul (3); Palmeira das Missões (4); Pantano Grande (2); Parai (1); Paraiso do Sul (1); Pareci Novo (1); Parobe (4); Passa Sete (1); Passo do Sobrado (1); Passo Fundo (4); Paulo Bento (1); Pelotas (12); Pinhal Grande (1); Pinheiro Machado (3); Pirapo (1); Piratini (4); Planalto (1); Poco das Antas (1); Pontao (1); Portão (3); Porto Alegre (14); Porto Lucena (1); Porto Maua (1); Porto Vera Cruz (1); Pouso Novo (1); Progresso (1); Protasio Alves (1); Putinga (1); Quarai (3); Quevedos (1); Quinze de Novembro (1); Redentora (1); Relvado (1); Restinga Seca (2); Rio Grande (4); Rio Pardo (1); Roca Sales (1); Rodeio Bonito (1); Rondinha (1); Rosário do Sul (2); Salto do Jacui (3); Salvador do Sul (1); Santa Barbara do Sul (1); Santa Cecilia do Sul (1); Santa Cruz do Sul (5); Santa Maria (3); Santana da Boa Vista (1); Sant’ana do Livramento (1); Santa Rosa (2); Santa Tereza (1); Santa Vitoria do Palmar (8); Santiago (1); Santo Ângelo (15); Santo Antônio da Patrulha (7); Santo Augusto (3); São Francisco de Assis (3); São Francisco de Paula (2); São Gabriel (13); São Jerônimo (2); São Jorge (1); São José do Hortêncio (1); São José do Norte (2); São José do Sul (1); São José dos Ausentes (1); São Leopoldo (13); São Lourenço do Sul (5); São Luiz Gonzaga (2); São Marcos (3); São Martinho (1); São Miguel das Missões (1); São Paulo das Missões (2); São Pedro das Missões (1); São Pedro do Sul (1); São Sebastião do Cai (3); São Sepé (2); São Valentim do Sul (1);
    São Vendelino (1); São Vicente do Sul (2); Sapiranga (5); Sapucaia do Sul (5); Seberi (1); Segredo (1); Serafina Correa (1); Serio (1); Sertao (1); Sertão Santana (1); Severiano de Almeida (1); Silveira Martins (1); Sinimbu (1); Sobradinho (2); Soledade (5); Tabai (1); Tapejara (3); Tapes (1); Taquara (13); Taquari (1); Tavares (1); Tenente Portela (1); Teutônia (3); Tio Hugo (1); Tiradentes do Sul (1); Torres (1); Tramandai (1); Três Coroas (1); Três de Maio (1); Três Palmeiras (1); Três Passos (1); Trindade do Sul (1); Triunfo (2); Tunas (1); Tupancireta (2); Tupandi (1); Turuçu (1); Ubiretama (1); Uruguaiana (1); Vacaria (6); Vale Verde (1); Vale do Sol (1); Vale Real (1); Veranópolis (1); Viadutos (1); Viamão (12); Vila Nova do Sul (1); Vista Alegre (1).
  • Santa Catarina: Abelardo Luz (2); Agrolândia (2); água doce (1); Alto Bela Vista (1); Anchieta (1); Angelina (1); Anitapólis (1); Apiuna (1); Araquari (4); Armazém (1); Arroio Trinta (1); Aurora (1); Balneário Arroio do Silva (1); Balneário Barra do Sul (2); Bandeirante (1); Barra Bonita (1); Barra Velha (3); Bela Vista do Toldo (2); Belmonte (1); Benedito Novo (2); Biguacu (1); Bom Jardim da Serra (1); Bom Jesus (1); Bom Retiro (1); Botuvera (1); Braço do Norte (1); Braço do Trombudo (1); Brusque (2); Caçador (5); Caibi (1); Calmon (1); Campo Alegre (2); Campo Belo do Sul (2); Campo Erê (2); Canelinha (1); Capinzal (3); Concórdia (4); Cordilheira Alta (1); Coronel Freitas (1); Corupá (2); Correia Pinto (2); Cunha Pora (1); Cunhatai (1); Curitibanos (2); Entre Rios (1); Ermo (1); Erval Velho (1); Florianopolis (2); Forquilhinha (1); Gaspar (2); Grão Para (1); Guabiruba (4); Guatambu (1); Icara (9); Imbuia (2); Ipora do Oeste (1); Ipuaçu (1); Ipumirim (1); Itaiopolis (1); Itajaí (1); Ituporanga (2); Jacinto Machado (1); Jáguaruna (2); Jarágua do Sul (1); Joinville (11); Jupia (1); Lajeado Grande (1); Lauro Muller (1); Lebon Regis (1); Leoberto Leal (1); Lindóia do Sul (1); Lontras (1); Mafra (13); Major Gercino (1); Maracajá (1); Maravilha (2); Massaranduba (1); Matos Costa (1); Meleiro (1); Monte Carlo (2); Morro da Fumaca (1); Navegantes (10); Nova Itaberaba (1); Nova Trento (3); Nova Veneza (2); Novo Horizonte (1); Otacilio Costa (1); Ouro (1); Palhoca (1); Palmeira (1); Papanduva (2); Paraíso (1); Paulo Lopes (1); Pedras Grandes (1); Pescaria Brava (1); Balneário Piçarras (1); Pinhalzinho (1); Pinheiro Preto (1); Piratuba (1); Ponte Alta (2); Ponte Alta do Norte (1); Ponte Serrada (1); Porto Belo (2); Porto União (2); Pouso Redondo (3); Praia Grande (1); Quilombo (1); Rancho Queimado (1); Rio do Campo (2); Rio Fortuna (1); Rio Negrinho (1); Rio Rufino (1); Riqueza (1); Rodeio (3); Romelandia (1); Santa Cecília (3); Santa Rosa do Sul (2); Santa Terezinha do Progresso (1); São domingos (3); São João do Oeste (1); São João Batista (3); São João do Sul (1); São Joaquim (1); São José do Cedro (1); São José do Cerrito (2); São Lourenço do Oeste (2); Sideropolis (2); Sombrio (1); Sul Brasil (1); Timbé do Sul (1); Timbó (3); Timbó Grande (1); Treviso (1); Tunapolis (1); Turvo (2); União do Oeste (1); Urubici (1); Vargem (1); Vargem Bonita (1); Videira (2); Witmarsum (1); Xanxere (1); Xaxim (1); Balneário Rincão (2).
  • Sergipe: Aquidaba (1); Araua (2); Boquim (2); Brejo Grande (2); Canhoba (1); Capela (4); Carira (1); Cedro de São João (2); Estância (2); Frei Paulo (2); Gararu (3); Ilha das Flores (3); Indiaroba (5); Itabaianinha (4); Itaporanga D’ajuda (2); Japoata (1); Lagarto (9); Monte Alegre de Sergipe (1); Nossa Senhora Aparecida (1); Nossa Senhora das Dores (5); Nossa Senhora de Lourdes (1); Nossa Senhora do Socorro (4); Pacatuba (2); Poço Redondo (8); Rosário do Catete (3); Salgado (1); Santana do São Francisco (1); Santo Amaro das Brotas (3); São Domingos (4); Simão Dias (5); Tobias Barreto (3); Tomar do Geru (2); Umbauba (4).
  • São Paulo: Adamantina (8); Adolfo (1); Aguaí (6); Águas de Lindóia (1);Águas de Santa Barbara (2); Agudos (6); Américo Brasiliense (2); Américo de Campos (1); Andradina (3); Apiaí (2); Araçatuba (23); Araçoiaba da Serra (5); Araraquara (1); Arealva (1); Areiopolis (1); Ariranha (2); Artur Nogueira (7); Arujá (4); Assis (3); Atibaia (5); Avai (3); Avaré (5); Bady Bassitt (2); Bariri (2); Barra do Chapéu (2); Barra do Turvo (4); Barrinha (1); Batatais (3); Bauru (11); Bertioga (1); Biritiba-Mirim (4); Boa Esperança do Sul (2); Bocaína (1); Bragança Paulista (5); Brauna (1); Brodowski (2); Brotas (2); Buritizal (1); Cabreuva (7); Caconde (4); Cajobi (2); Campinas (42); Campo Limpo Paulista (10); Cananéia (4); Cândido Rodrigues (1); Canitar (1); Capela do Alto (1); Caraguatatuba (5); Carapicuíba (3);0 Cardoso (1); Castilho (5); Cedral (1); Cesário Lange (1); Charqueada (5); Conchal (1); Cordeirópolis (2); Cosmópolis (7); Cosmorama (1); Cotia (3); Cravinhos (3); Cubatão (5); Cunha (1); Diadema (2); Divinolândia (1); Dobrada (4); Dourado (2); Dracena (1); Dumont (1); Eldorado (2); Elias Fausto (2); Embu das Artes (20); Embu-Guacu (15); Fernandópolis (6); Ferraz de Vasconcelos (1); Flora Rica (1); Flórida Paulista (1); Franca (5); Francisco Morato (10); Franco da Rocha (9); Galia (1); Gastão Vidigal (1); General Salgado (2); Glicério (1); Guaiçara (2); Guairá (2); Guaratinguetá (3); Guariba (2); Guarujá (29); Guarulhos (28); Guzolandia (1); Herculandia (1); Hortolândia (18); Ibaté (3); Ibirarema (2); Ibitinga (1); Ibiuna (7); Igaracu do Tiete (4); Iguape (4); Ilha Solteira (3); Indaiatuba (2); Inubia Paulista (1); Ipero (1); Iporanga (2); Iracemapolis (2); Irapua (1); Itai (2); Itanhaem (5); Itaoca (1); Itapecerica da Serra (19); Itapetininga (2); Itapeva (1); Itapevi (23); Itapira (8); Itapirapua Paulista (1); Itapura (1); Itaquaquecetuba (11); Itariri (2); Itatiba (5); Itupeva (5); Ituverava (10); Jacarei (41); Jacupiranga (1); Jandira (34); Jeriquara (1); Joanopolis (2); João Ramalho (1); José Bonifacio (2); Jundiaí (3); Juquiá (4); Juquitiba (4); Lavínia (2); Leme (2); Lençóis Paulista (3); Limeira (38); Lindóia (1); Macatuba (2); Macaubal (2); Manduri (1); Marabá Paulista (1); Marília (1); Matão (17); Mauá (33); Mendonça (1); Miguelopolis (2); Mineiros do Tiete (1); Miracatu (6); Mira Estrela (1); Mirandópolis (5); Mirassolândia (1); Mogi Guaçu (3); Mongágua (5); Monte Alegre do Sul (1); Monte Azul Paulista (3); Monte Mor (6); Morro Agudo (3); Narandiba (1); Nova Aliança (1); Nova Campina (1); Nova Europa (1); Nova Granada (2); Nova Odessa (9); Ocauçu (1); Olímpia (5); Osasco (37); Oscar Bressane (1); Osvaldo Cruz (1); Ourinhos (14); Palmares Paulista (2); Paraguaçu Paulista (4); Pariquera-Acu (4); Patrocínio Paulista (2); Pederneiras (4); Pedra Bela (1); Pedregulho (2) Pedreira (3); Penapolis (2); Peruíbe (5); Piedade (2); Pilar do Sul (4); Pindorama (1); Pinhalzinho (3); Piracaia (1); Piracicaba (22); Pirajuí (5); Pitangueiras (1); Planalto (1); Pongai (1); Pontal (4); Porto Ferreira (4); Potim (3); Potirendaba (5); Praia Grande (18); Pratânia (1); Presidente Alves (1); Presidente Epitácio (3); Presidente Prudente (1); Presidente Venceslau (5); Promissão (6); Rafard (1); Registro (7); Restinga (4); Ribeira (1); Ribeirão Pires (7); Ribeirão Preto (2); Rincão (2); Rio Claro (4); Sabino (1); Sales Oliveira (2); Salesópolis (4); Salto (3); Salto de Pirapora (3); Salto Grande (2); Santa Adélia (3); Santa Barbara D’oeste (6); Santa Cruz da Conceição (1); Santa Cruz das Palmeiras (4); Santa Gertrudes (1); Santa Isabel (1); Santa Lucia (1); Santo Andre (18); Santo Antônio de Posse (4); Santo Antônio do Aracanguá (1); Santo Antônio do Pinhal (1); Santos (8); São Bento do Sapucaí (2); São Bernardo do Campo (17); São Carlos (2); São Francisco (1); São João da Boa Vista (6); São Joaquim da Barra (8); São José dos Campos (20); São Lourenço da Serra (2); São Miguel Arcanjo (7); São Paulo (78); São Pedro (4); São Roque (1); São Sebastião (4); São Vicente (8); Sebastianópolis do Sul (1); Serrana (1); Serra Negra (4); Sertãozinho (1); Sete Barras (1); Socorro (5); Sorocaba (20); Sud Mennucci (1); Sumaré (10); Suzano (10); Táguai (1); Taiaçu (2); Taiuva (1); Tambaú (6); Tanabi (2); Tapirai (2); Tapiratiba (3); Taquaritinga (5); Taquarivaí (1); Taubaté (8); Tejupa (1); Torrinha (4); Trabiju (1); Tupa (2); Turiuba (1); Turmalina (1); Ubatuba (5); Vargem Grande do Sul (6); Várzea Paulista (10); Vera Cruz (1); Viradouro (5); Votorantim (1); Votuporanga (2).
  • Tocantins: Almas (1); Ananas (2); Aráguacema (1); Aráguaina (3); Aráguana (1); Aráguatins (3); Arapoema (3); Arraias (2); Aurora do TO (1); Axixa do TO (1); Babaçulandia (1); Bandeirantes do TO (1); Barra do Ouro (2); Bernardo Sayao (1); Bom Jesus do TO (1); Buriti do TO (3); Campos Lindos (2); Cariri do TO (1); Carrasco Bonito (1); Colinas do Tocantins (1); Combinado (1); Darcinópolis (1); Dianópolis (1); Filadélfia (1); Formoso do Aráguaia (1); Goiatins (3); Guarai (2); Gurupi (5); Ipueiras (1); Itacaja (1); Itáguatins (2); Lagoa da Confusão (1); Lagoa do TO (1); Lizarda (1);
    Luzinopolis (1); Maurilândia do TO (1); Palmeiras do TO (1); Muricilândia (1); Novo Jardim (1); Palmeirante (1); Palmeirópolis (2); Paraná (1); Pedro Afonso (2); Piraque (1); Recursolandia (1); Rio dos Bois (1); Rio Sono (1); Sampaio (1); Santa Fe do Aráguaia (1); Santa Maria do TO (1); São Bento do TO (1); São Felix do TO (1); São Sebastiao do TO (1); São Valério (1); Sitio Novo do Tocantins (2); Táguatinga (2); Taipas do TO (1); Palmas (2); Tocantinopolis (4); Wanderlandia (2).

Os profissionais que optarem pelas áreas Indígenas podem escolher entre DSEI: Alagoas e Sergipe (5); Altamira (5); Alto Rio Juruá (7); Alto Rio Negro (18); Alto Rio Purus (8); Alto Rio Solimões (27); Amapá e Norte do Pará (9); Araguaia (5); Bahia (19); Ceará (4); Cuiabá (11); Guamá-To (9); Interior Sul (12); Kaiapó do Mato Grosso (4); Kaiapó do Pará (4); Leste de Roraima (13); Litoral Sul (6); Manaus (10); Maranhão (20); Mato Grosso do Sul (11); Médio Rio Purus (7); Médio Rio Solimões e Afluentes (12); Minas Gerais e Espírito Santo (6); Parintins (12); Pernambuco (13); Porto Velho (10); Potiguara (4); Rio Tapajós (11); Tocantins (10); Vale do Javari (6); Vilhena (2); Xavante (10); Xingu (6); Yanomami (16).

Em nosso site você tem acesso aos editais completos e pode obter mais informações.

Jornalista: Karina Felício
Compartilhe:

PRF: Edital do Concurso com 500 vagas em 17 Estados é retificado

Servidores devem atuar em jornada de 40h semanais, com vão receber até R$ 9,4 mil.

Quinta-feira, 29 de novembro de 2018 às 17h03

PRF: Edital do Concurso com 500 vagas em 17 Estados é retificadoO edital do Concurso Público da Polícia Rodoviária Federal (PRF), destinado a contratação de 500 profissionais para o cargo de Policial Rodoviário Federal, Padrão I da Terceira Classe foi retificado.

A modificação atinge o quadro de vagas que passa a vigorar da seguinte forma: Acre (17), Amazonas (28), Amapá (23), Bahia (17), Goiás (27), Maranhão (18), Minas Gerais (9), Mato Grosso do Sul (35), Mato Grosso (57), Pará (81), Piauí (22), Rio de Janeiro (10), Rondônia (74), Roraima (15), Rio Grande do Sul (23), São Paulo (19) e Tocantins (25)

Profissionais que tenham diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) podem se inscrever para atuar em jornada de 40h semanais, com subsídio de R$ 9.473,57.

Para se inscrever o candidato deve acessar o site da empresa organizadora Cespe (www.cespe.unb.br), a partir das 10h do dia 03 de dezembro de 2018 até às 18h do dia 18 de dezembro de 2018. Nesta fase faz-se necessário o pagamento da taxa no valor de R$ 150,00.

Candidatos que estejam inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), de que trata o Decreto nº 6.135, de 26 de junho de 2007; for membro de família de baixa renda, nos termos do Decreto nº 6.135/2007; ou for doador de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde, nos termos da Lei nº 13.656/2018, podem solicitar isenção da taxa seguindo os procedimentos indicados no edital.

Este certame é composto de duas etapas, sendo a primeira com as seguintes fases: Prova Objetiva, Prova Discursiva, Exame de capacidade física, Avaliação de saúde, Avaliação psicológica e Avaliação de títulos. Já a segunda, consiste no curso de formação profissional.

A prova objetiva e a prova discursiva terão a duração de 4h30 e serão aplicadas na data provável de 3 de fevereiro de 2019, no turno da tarde. O candidato deverá, obrigatoriamente, acessar o site da organizadora para verificar o local de realização das provas, por meio de busca individual, devendo, para tanto, informar os dados solicitados.

Dentre os conteúdos exigidos para a Prova Objetiva estão temas de: Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemático, Informática, Noções de Física, Ética no Serviço Público, Geopolítica Brasileira, História da PRF, Legislação de Trânsito, e Noções de Direito conforme constam no edital de abertura disponível em nosso site.

O prazo de validade deste certame esgotar-se-á após 30 dias, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final do curso de formação profissional, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Para mais informações acesse em nosso site o edital completo e a retificação, onde também é possível adquirir a Apostila Digital específica deste certame, elaborada conforme o conteúdo exigido.

Fator de Aprovação do Elyesley Silva Funciona?

Fator de Aprovação do Elyesley Silva é sem dúvida a bola da vez quando se fala em concurso público.

Mas qual será o segredo desse sucesso tão repentino?

Segundo as pesquisas, o Fator de Aprovação do Elyesley Silva possui uma taxa de alunos nomeados após 1 ano de curso com um número muito acima da média de qualquer outro curso preparatório.

Entretanto, resolvemos ver a fundo se o curso é tão bom como dizem.

O que é o Fator de Aprovação

O método Fator de Aprovação do Elyesley Silva funciona para otimizar seus estudos com objetivo de fazer você absorver em algumas horas de estudo o que os seus concorrentes levariam dias.

O método do Fator de Aprovação do Elyesley Silva é dividido em 3 simples passos sequenciais denominados como Tríade da Alta Performance:

Fator de Aprovação do Elyesley Silva
Fator de Aprovação do Elyesley Silva

Cada um dos 3 Passos da Tríade da Alta do Fator de Aprovação do Elyesley Silva Performance é composta por técnicas avançadas de estudos adaptada para cada etapa e para o universo do concurseiro.

01 Teoria-Absorção de Conteúdo do Fator de Aprovação

O primeiro passo de qualquer estudante é a busca pelas informações fundamentais acerca daquele conteúdo que ele pretende estudar.

Todo momento de estudar uma matéria nova, é preciso se organizar primeiro, reduzir somente ao que realmente é relevante, em segui, montar o Edital Verticalizado e estudar de forma eficiente e acelerada. Lembre-se quanto mais conteúdo você conseguir absorver através das técnicas corretas, maior será sua chance de reter.

Aqui estão algumas das técnicas utilizadas no método que você aprende em poucas horas e aplica na mesma hora e reduz em até 4x o tempo para dominar uma matéria nova…

  • De cara, como eliminar em até 75% o excesso de materiais desnecessários que parecem fazer com que você está se aprofundando no assunto, quando na verdade só geram confusão e dúvida
  • Protocolo Bolt, a técnica mais avançada de aprendizagem acelerada, cientificamente comprovada que aumenta em até 4x a sua velocidade de aprendizagem de uma matéria completamente nova.
  • Como montar um Edital Verticalizado para estudar de forma eficiente Antes e Depois que o seu Edital verdadeiro for publicado. Você aprenderá como evitar os erros de 91% da concorrência, largando muito à frente deles.
  • Cronograma de Parker: como criar um cronograma de estudos realista e que você irá seguir do começo ao fim, mesmo se você ainda não saiba o que vai cair na sua prova.
  • Acelerador de Leitura 3x: conheça as melhores técnicas de leitura dinâmica para você ler até 3x mais rápido e compreender tudo que está lendo. Você vai descobrir também quais são os momentos certos para usar essas técnicas. 

    02 Esquemas Mentais do Fator de Aprovação

    De nada adianta você ficar horas e horas folheando livros sem desenvolver uma forma de fazer com que esse conteúdo teórico entre definitivamente na sua memória e fique disponível para você no momento da prova.

Para isso, os esquemas do Fator de Aprovação são essenciais, na medida em que vão visualmente organizar o conteúdo no seu cérebro.

 

Segundo Elyesley Silva, passo 2 é chave da aprovação, onde você foca revisão eficiente através de poderosas técnicas de retenção e memorização como algumas citadas abaixo:

  • Técnica da Revisão Raio-X, que fará você reter o que foi estudado em alguns minutos sem precisar passar horas relendo seus materiais.
  • Técnica da Retenção Fotográfica, um verdadeiro mini-curso de memorização com tudo que você precisa para memorizar tudo que você estuda para que você não sofra mais com os famosos “brancos” no momento da prova.
  • Os 7 Tipos de Esquemas Mentais que mudaram de vez a forma de milhares de concurseiros que se tornaram acumuladores de aprovações.

03 Esquemas Mentais do Fator de Aprovação

Aqui temos a parte mais prática e divertida do Fator de Aprovação. É nesse momento que você será capaz de aplicar o que você aprendeu nas duas fases anteriores onde realmente interessa: nas questões de prova.

O terceiro passo do Fator de Aprovação do Elyesley Silva é a “hora do jogo”

Não adianta ser o melhor do treino e não corresponder quando entrar em campo, não é verdade? Portante, os concurseiros bem sucedidos em concurso são aqueles que dominam o maior arsenal possível de técnicas de resolução de questões, desde saber o tempo máximo investido em cada exercício como técnica de chutes conscientes para a hora que o não tiver saída.

O Fator de Aprovação do Elyesley Silva treina para as seguintes situações de questões:

  • Na técnica “Chutando com Consciência”, você aprenderá a dominar as melhores técnicas de chute de questões em provas para concursos público, tudo cientificamente comprovado.
  • Gabaritador Ninja é onde você aprende a montar a estratégia perfeita de execução dos exercícios como planejamento de pontos e tempo.
  • Um dos pontos mais importantes para otimização dos estudos que é o planejamento correto do treinamento com as questões corretas para estudar. Hoje, há sites gratuitos que, se você souber usar de forma correta, você conseguirá montar o simulado de questões realmente eficiente para o seu objetivo.

O Fator de Aprovação Funciona?

Segundo o resultado dos seus alunos, sim. Entretanto, o professor Elyesley Silva deixa claro durante todo o curso que ele dá as ferramentas, mas dependo do aluno aplicar para conseguir o resultado.

Como faço para ter acesso ao Fator de Aprovação?

A melhor forma de se inscrever no curso original e completo do Fator de Aprovação do Elyesley Silva é se inscrevendo no link abaixo:

>>Acessar o Site do Fator de Aprovação<<